Participamos do

Clubes e FCF atualizam protocolo, e Estado planeja debater volta do público aos estádios

Ceará, Fortaleza e Federação Cearense de Futebol incluirão novas informações no documento para enviar ao Governo, que deverá discutir tema em reunião do Comitê na próxima semana
13:55 | Set. 10, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Na próxima semana, o Governo do Estado receberá uma versão atualizada do protocolo elaborado por Ceará, Fortaleza e Federação Cearense de Futebol (FCF) e deverá debater a volta do público aos estádios de futebol na reunião semanal do Comitê de enfrentamento à pandemia de Covid-19, geralmente realizada às sextas-feiras, apurou o Esportes O POVO.

O protocolo para a autorização da presença de torcedores nos jogos foi finalizado no início de agosto e encaminhado à gestão estadual, que não se manifestou desde então. Os clubes e a entidade máxima do futebol local pedem liberação de 40% de público na Arena Castelão obedecendo os requisitos de imunização completa pela vacina (duas doses ou dose única, no caso da Janssen) ou teste PCR para Covid-19 em até 48 horas antes da partida.

Durante este período, representantes dos clubes estiveram em outras arenas do país que receberam torcedores para acompanhar os procedimentos e a logística. Dirigentes do Vovô e um representante da FCF viram um jogo do Flamengo-RJ no Mané Garrincha, em Brasília. Já um duelo do Atlético-MG no Mineirão, em Belo Horizonte, teve a presença de alvinegros e tricolores.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Após a observação de outras experiências e da divulgação do protocolo criado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ceará, Fortaleza e Federação atualizarão o documento com novas informações a pedido da Casa Civil do Estado para que o tema seja debatido no encontro do Comitê na próxima semana - provavelmente no dia 17 -, apurou o Esportes O POVO.

Na última quarta-feira, 8, a CBF reuniu 19 clubes da Série A para debater a volta imediata do público aos jogos - o Flamengo-RJ não participou. De forma unânime, as equipes decidiram permitir a liberação de torcedores em partidas da competição apenas quando houver autorização em todas as cidades dos participantes.

Um novo encontro ficou agendado para o próximo dia 28 para reavaliar o cenário e retomar o debate do tema em relação ao segundo turno do Brasileirão. Enquanto isso, clubes e federações se articulam na tentativa de conseguir aval das autoridades nos respectivos Estados.

O presidente da FCF, Mauro Carmélio, já havia detalhado o protocolo e se mostrado confiante pelo aval do Governo. O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, manifestou-se a favor da liberação, e o mandatário do Ceará, Robinson de Castro, pediu um pacto para autorização conjunta para manter a isonomia.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags