PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

?Com vontade de crescer?, Rogério Micale é apresentado no Paraná

Depois de anunciado e apresentado para o grupo de jogadores, o treinador Rogério Micale foi apresentado para a imprensa nesta segunda-feira e concedeu sua primeira entrevista como treinador do Paraná. Substituto de Wagner Lopes para liderar o clube no decorrer do ano e, principalmente, na elite do Campeonato Brasileiro, o novo comandante chegou com o [?]

15:45 | 26/02/2018

Depois de anunciado e apresentado para o grupo de jogadores, o treinador Rogério Micale foi apresentado para a imprensa nesta segunda-feira e concedeu sua primeira entrevista como treinador do Paraná. Substituto de Wagner Lopes para liderar o clube no decorrer do ano e, principalmente, na elite do Campeonato Brasileiro, o novo comandante chegou com o discurso de muita motivação e um time ?com fome? de jogar futebol.

?Me sinto honrado de estar no Paraná. Vejo esta como uma grande oportunidade na minha carreira e espero atender às expectativas, não só da direção e do clube, mas da torcida, que é o principal patrimônio de um clube. Venho para cá com muita vontade de crescer junto com o Paraná e conseguir os resultados que todos queremos?, disse Micale.

O treinador chega para tentar melhorar o desempenho do Paraná que, em oito jogos, venceu apenas um, além da eliminação precoce na Copa do Brasil. Visando uma melhora, o treinador pediu um time bastante intenso e forte dentro de campo.

?Não vejo problema em ter uma equipe com fome, com desejo de buscar alguma coisa. O treinador também está querendo algo na carreira e nós vamos caminhar juntos. Vejo o Paraná voltando à primeira divisão e todo mundo com muita fome para dar o máximo?, comentou o novo comandante.

Junto com Micale, o Paraná também trouxe o preparador físico Marcos Seixas, que esteve na comissão técnica campeã olímpica no Rio de Janeiro, e o auxiliar-técnico Fabinho Santos, que trabalhou por um longo período no Joinville. A estreia da nova comissão técnica será no próximo domingo, diante do Cianorte, pela primeira rodada do returno do Campeonato Paranaense.

?Estamos cientes de que precisamos dar uma resposta rápida no segundo turno e levar o Paraná à condição que a gente espera, de estar brigando no topo, estar na semifinal e iremos trabalhar para isso, porque só assim vamos buscar a confiança. Mas é o trabalho que vai determinar esse nível de performance, não tem mágica?, finalizou Micale.

Gazeta Esportiva

TAGS