Participamos do

FCF e clubes pedem aumento e querem liberação de até 80% da capacidade do Castelão; entenda

Federação Cearense de Futebol, Ceará e Fortaleza projetam aumento na capacidade a partir da próxima semana e dividem solicitação ao Governo do Estado em duas etapas: 50% na segunda quinzena de outubro e 80% em novembro
18:10 | Out. 13, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Nesta quarta-feira, 13, Federação Cearense de Futebol (FCF), Ceará e Fortaleza encaminharam a solicitação ao Governo do Estado de liberação de maior capacidade de público em jogos na Arena Castelão, dividida em duas etapas: 50% na segunda quinzena deste mês e 80% a partir de novembro, apurou o Esportes O POVO. As datas levam em consideração as reuniões do Comitê de enfrentamento à pandemia de Covid-19, que define o decreto estadual.

No documento elaborado pela entidade máxima do futebol local e pelos dois clubes, o primeiro pedido é para a próxima sexta-feira, 15, quando o governador Camilo Santana deverá anunciar as medidas do novo decreto. Em caso de sinal positivo, a liberação de 50% do Gigante da Boa Vista - cerca de 31.500 torcedores - já entraria em vigor a partir de segunda-feira, 18, e valeria para o jogo Ceará x Palmeiras-SP, dia 20, por exemplo.

A segunda etapa da demanda é para o próximo dia 29, passando a valer a partir de 1º de novembro. Desta vez, o aumento seria para 80% da capacidade do estádio - cerca de 50 mil pessoas. Com o sucesso na execução do protocolo nos primeiros jogos com torcida nas arquibancadas, as partes consideram ter respaldo para receber o aval da Secretaria da Saúde (Sesa) quanto à solicitação, ainda que em números mais modestos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Há pouco menos de um mês, no dia 17 de setembro, o governador Camilo Santana anunciou a autorização para realização de eventos-teste com presença de público no estádio. A Secretaria da Saúde (Sesa) liberou 10% da capacidade do estádio - cerca de 6.300 torcedores - e exigiu as duas doses da vacina como requisito para acesso aos jogos. A pasta ainda fez outros pedidos de ajustes nos protocolos elaborados.

A volta da torcida ao Gigante da Boa Vista ocorreu na partida entre Fortaleza x Atlético-GO, no último dia 2, pela Série A, que recebeu público total de 2.785 pessoas. A Sesa elogiou a obediência aos protocolos na ocasião.

Quatro dias depois, o confronto entre Ceará x Internacional-RS, também pelo Brasileirão, teve 2.810 torcedores presentes. A Secretaria voltou a enaltecer o comportamento dos torcedores e admitiu a possibilidade de liberação de maior capacidade de público.

No último dia 7, inclusive, o Governo confirmou a liberação do público nos jogos após a realização dos dois eventos-teste. No sábado, 9, 4.052 pessoas assistiram a Fortaleza x Flamengo-RJ no Castelão. Os tricolores estarão presentes outra vez no embate diante do Grêmio, na quarta-feira, 13, enquanto os alvinegros poderão acompanhar de perto o jogo contra o RB Bragantino-SP, no próximo domingo, 17.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags