Participamos do

Luiza Nobel, Alice Caymmi e Mel Mattos participam do Festival Ecléticos

Edição comemorativa do Ecléticos Livre Festival inicia neste sábado, 25, em formato virtual. Tiê, banda Dunarey, Isabela Moraes e Bruna Ene também integram a programação
19:43 | Set. 22, 2021
Autor Luiza Ester
Foto do autor
Luiza Ester Repórter do núcleo de Cultura e Entretenimento do O POVO
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Se “música” e “natureza” fossem dois artistas, qual canção resultaria dessa parceria? A partir dessa união, o Ecléticos Livre Festival realiza edição comemorativa on-line, aos sábados, entre 25 de setembro e 16 de outubro. Entre as atrações, estão os shows virtuais de Alice Caymmi, Luiza Nobel, Mel Mattos, Tiê, banda Dunarey, Isabela Moraes e Bruna Ene, gravados no palco do Theatro José de Alencar (TJA).

As transmissões acontecem pelo canal no YouTube e pelo Instagram da WM Cultural. A programação contempla ainda o painel “Economia Criativa em Tempo de Pandemia: Criação e Empreendedorismo”. Já os podcasts, com os temas “A reinvenção nos Festivais” e “Cultura, Cidadania e Meio Ambiente”, estarão disponíveis no serviço de streaming Spotify.

O Festival Ecléticos comemora seus cinco anos de existência na Cidade. Com a temática “Música feat. Natureza”, a ideia é transportar para o formato on-line a essência das edições anteriores, realizadas em espaços abertos de Fortaleza, como o Parque Estadual do Rio Cocó e o Parque Adahil Barreto. Durante as apresentações no TJA, por exemplo, plantas em vasos foram espalhadas no lugar da plateia, como se estivessem assistindo ao repertório dos artistas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Quando ainda era possível aglomerar, antes da chegada da pandemia da Covid-19 ao Brasil, o festival unia musicalidade à consciência ambiental e social, com ações de coleta seletiva, distribuição de mudas de plantas e transporte gratuito para a juventude fortalezense.

Segundo o produtor cultural William Mendonça, idealizador do Ecléticos, o festival já mobilizou mais de 40 mil pessoas ao longo de sua história. Mas como traduzir esse diálogo com o público para o virtual? “A gente mantém, agora com a linguagem audiovisual, o caráter plural do evento. Esses encontros estéticos têm um papel político. Por meio das obras, encontramos o fortalecimento da nossa arte e existência. Fazer um festival on-line é sinônimo de ressignificação e transformação, mas também é uma oportunidade de nos desafiarmos”.

Com realização da WM Cultural, o Ecléticos tem apoio da Enel e do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura do Estado. O evento conta, também, com a promoção da Nova Brasil FM 106.5 Fortaleza, emissora do Grupo de Comunicação O POVO que comemora três anos de atuação neste 2021.

Programação

25 de setembro
10 horas: podcast Ecléticos Livre EP 1 – “A reinvenção nos Festivais: Sustentabilidade novos rumos”, no Spotify

2 de outubro
10 horas: podcast Ecléticos Livre EP 2 – “Cultura, Cidadania e Meio Ambiente”, no Spotify
15 horas: painel “Economia Criativa em Tempo de Pandemia: Criação e Empreendedorismo”, com Tiê, Valmir Lins, André Brasileiro e William Mendonça, no YouTube
16 horas: palestra

9 de outubro
16 horas: programa show com atrações musicais, no YouTube

16 de outubro
16 horas: programa show com atrações musicais, no YouTube

Festival Ecléticos

Quando: aos sábados, entre 25 de setembro e 16 de outubro

Onde: YouTube

Mais informações: @festivalecleticos

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags