PUBLICIDADE
Fortaleza
Noticia

No começo de lockdown, pessoas correm na Beira Mar e são abordadas pela Polícia

08:48 | 05/03/2021
Primeiro dia de lockdown na cidade de Fortaleza (Foto: Fabio Lima/ O POVO)
Primeiro dia de lockdown na cidade de Fortaleza (Foto: Fabio Lima/ O POVO)

Nesta sexta-feira, 5, passa a valer o decreto de isolamento social mais rígido em Fortaleza, o lockdown. O POVO foi às ruas da Capital e registrou pessoas se exercitando na avenida Beira Mar. De acordo com o estabelecido pelo Executivo Estadual com base no Comitê Científico que avalia o crescimento de casos da Covid-19 no Ceará, a prática de atividades físicas individuais ou coletivas em espaços públicos ou privados abertos está suspensa.   

Todas as determinações estabelecidas devem ser cumpridas até o dia 18 de março. Policiais Militares orientaram a população sobre a necessidade de cumprir as medidas estabelecidas. 

Leia Mais - Lockdown em Fortaleza: pessoas que insistirem em ficar na rua devem ser conduzidas à delegacia

Clique na imagem para abrir a galeria

 

Lockdown em Fortaleza

Fortaleza entrou em 14 dias de lockdown a partir de sexta-feira, 5 de março (05/03). Na quinta, 4, o decreto com as regras sobre o que funciona na Cidade foi divulgado. O isolamento social rígido vale a partir de sexta-feira, 5 de março (05/03) até 18 de março (18/03).

Veja as regras para as várias atividades:

Entenda o novo lockdown decretado em Fortaleza

O lockdown em Fortaleza começa a partir da meia-noite (0 hora) de sexta-feira, 5. É a segunda vez que o confinamento é adotado na capital cearense. A medida foi anunciada na noite de quarta-feira, 4, em pronunciamento nas redes sociais, pelo governador Camilo Santana (PT) ao lado de José Sarto (PDT), prefeito da cidade, e do secretário da Saúde do Estado, Dr. Cabeto.

No novo decreto, os setores da indústria e da construção civil foram considerados essenciais pelo Governo do Estado e, portanto, não devem ter as atividades interrompidas. Durante o período, a serem mantidas as regras anteriores, academias e igrejas não podem abrir ao público. Serviços e estabelecimentos poderão funcionar desde que exclusivamente por serviço de entrega, inclusive por aplicativo.

A medida ocorre após a imposição de dois toques de recolher. O primeiro limitou a circulação entre 22h e 5 h em todo o Estado. Depois, as autoridades estaduais ampliaram a restrição para o período de 20h às 5h, durante a semana. Aos fins de semana, a proibição começava mais cedo.

Apesar do lockdown em Fortaleza, também adotado por outros municípios, todo o Estado segue sob o decreto que impõe toque de recolher, reduz o horário de funcionamento de estabelecimentos e limita a circulação nos espaços públicos.

Vídeos sobre o lockdown em Fortaleza

Mais sobre lockdown