Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

De olho em vaga inédita e premiação, Fortaleza encara São Paulo pela Copa do Brasil

Após empate em 2 a 2 no Morumbi, Leão mira triunfo sobre o time paulista para avançar pela primeira vez à semifinal do torneio e faturar R$ 7,3 milhões
19:50 | Set. 14, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em uma temporada histórica, o Fortaleza tem pela frente mais um confronto decisivo acompanhado da oportunidade de conquistar uma vaga na semifinal da Copa do Brasil pela primeira vez e uma premiação de R$ 7,3 milhões. A partir das 21h30min desta quarta-feira, 15, o time do Pici enfrenta o São Paulo, na Arena Castelão, no jogo de volta das quartas de final do torneio, e tenta alcançar mais um feito inédito.

O empate em 2 a 2 no primeiro embate, no último dia 25, no Morumbi, deixa o duelo em três cores em aberto. Um simples triunfo assegura o vencedor na próxima fase do mata-mata nacional, enquanto uma nova igualdade levaria a definição para os pênaltis - em 2020, as equipes decidiram as oitavas de final na marca da cal, e os paulistas levaram a melhor.

O reencontro decisivo ocorre em meio ao mau momento do Leão em 2021. São seis jogos seguidos sem vencer, entre Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil - quatro empates e duas derrotas. O cenário de oscilação desperta o sinal de alerta no Pici, mas não abala a confiança em retomar os resultados positivos a partir do desempenho em campo apresentado em outros momentos.

Se o recorte atual não é positivo, o retrospecto pode ser um trunfo para o Fortaleza. No outro compromisso diante do São Paulo neste ano, pela Série A, os comandados de Juan Pablo Vojvoda levaram a melhor por 1 a 0, no Morumbi. O treinador argentino, aliás, também ostenta bom histórico contra o clube da Barra Funda: dois triunfos e dois empates em quatro jogos - além dos dois encontros em 2021, mais dois à frente do Talleres, da Argentina, pela Copa Libertadores de 2019.

O zagueiro Marcelo Benevenuto e o meia Lucas Lima desfalcam o Leão - o defensor já atuou pelo Botafogo-RJ no torneio, e o armador entrou em campo pelo Palmeiras-SP. A vaga na zaga deve ser ocupada por Matheus Jussa, enquanto Matheus Vargas deve retornar à armação. Por outro lado, a comissão técnica pretende contar com o volante Felipe, que sofreu entorse no tornozelo direito e fez tratamento intensivo nos últimos dias visando a partida.

O São Paulo, por sua vez, ganha o reforço do zagueiro equatoriano Arboleda, recuperado de lesão na coxa. O meia Benítez e o atacante Eder também devem aparecer como novidades entre os titulares da equie de Hernán Crespo no Castelão.

Fortaleza x São Paulo

Fortaleza
3-5-2: Felipe Alves; Tinga, Matheus Jussa e Titi; Yago Pikachu, Felipe (Jackson), Éderson, Matheus Vargas e Lucas Crispim; Robson e David (Wellington Paulista). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

São Paulo
3-5-2: Tiago Volpi; Arboleda, Miranda e Léo; Igor Vinicius, Liziero, Nestor, Benítez e Reinaldo; Eder e Rigoni. Técnico: Hernán Crespo

Local: Arena Castelão, em Fortaleza/CE
Data: 15/9/2021
Horário: 21h30min (horário de Fortaleza)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo/RJ
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa/RJ e Thiago Henrique Neto Correa Farinha/RJ
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda/RJ
Transmissão: TV Verdes Mares, SporTV, Premiere, Rádio O POVO CBN e Tempo Real O POVO

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Liga dos Campeões: Bayern vence Barcelona por 3 a 0 na estreia

Esportes
19:43 | Set. 14, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Dois gols de Robert Lewandowski e um de Thomas Müller garantiram a vitória de 3 a 0 do Bayern de Munique (Alemanha) sobre o Barcelona (Espanha) na partida de estreia das duas equipes na Liga dos Campeões nesta terça-feira (14), em mais uma demonstração brutal da imensa diferença de nível entre os times.

Coluna – Temporada caminha para ter apenas dois clubes em evidência

Esportes
19:27 | Set. 14, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Foi-se o tempo em que o futebol brasileiro tinha vários candidatos aos principais títulos nacionais da temporada. Mas também faz muito tempo que não víamos apenas duas equipes tão distantes das demais, sinalizando um fim de temporada polarizado entre elas (Atlético-MG e Flamengo). Para se ter uma ideia, nos últimos dez anos o campeão brasileiro só esteve uma única vez envolvido na final da Copa do Brasil: o Cruzeiro, de 2014, que ficou com o vice-campeonato da Copa. Aliás, ganhar as duas competições nacionais é algo raríssimo, que apenas o mesmo Cruzeiro, em 2003, conseguiu.

Mas esse ano a polarização promete acirrar uma rivalidade que já dura quatro décadas. Apesar de Atlético-MG e Flamengo se enfrentarem desde 1929, foi nos anos de 1980 que a disputa esquentou. Em uma temporada semelhante à atual, na qual atleticanos e rubro-negros tinham os times mais fortes do país. Não faltam jogos emocionantes desde então, a começar pela disputa do título brasileiro de 1980, com vitória do Flamengo no Maracanã por 3 a 2. Polêmica, então, nem se fala. Um exemplo é a decisão por uma vaga na fase semifinal da Copa Libertadores, na qual o Flamengo passou pelo Galo no famoso jogo em que o árbitro José Roberto Wright expulsou meio time mineiro e a partida nem chegou ao final.

Depois disso, em partidas decisivas, há equilíbrio, com uma eliminação para cada lado no Brasileiro (86 para o Atlético e 87 para o Flamengo) e o mesmo na Copa do Brasil (2006 para os rubro-negros e 2014 para os alvinegros). Diante disso tudo, como não esperar um fim de temporada emocionante, ao menos para os torcedores dessas equipes?

Pois é. Se para esses é bom, o que dizer dos demais? O curioso é que essa polarização nunca foi sequer cogitada, seja pela imprensa, por especialistas em negócios ou pelas torcidas. Há anos se fala em Flamengo e Corinthians, com o argumento de terem as cotas mais elevadas da TV, ou de Flamengo e Palmeiras, por conta de patrocinadores e de boas administrações. No entanto, se por um lado o Rubro-Negro carioca confirmou esse patamar, o Galo mineiro furou a fila graças ao apoio financeiro de investidores, que fizeram com que a dívida quase bilionária do clube não interferisse na montagem de um time de estrelas.

Na Copa do Brasil, cujos semifinalistas serão conhecidos neste meio de semana, o caminho para ambos se torna ainda mais tranquilo (ao menos antes de a bola rolar) porque o Palmeiras já está fora da disputa. No Brasileirão, o Verdão paulista também já deu sinais de não ter forças para buscar algo mais do que uma vaga no G4, visto que, no momento, já está a sete pontos do Atlético, após perder em casa, de virada, para o time misto do Flamengo.

Os demais ficam na expectativa de vagas nas Copas Libertadores e Sul-Americana. E essa lista prevista de G6 para a Libertadores certamente vai crescer, podendo ir a G9. Para quem está fora da disputa dos títulos, o melhor cenário seria uma taça para o Atlético, outra para o Flamengo e uma terceira para o Palmeiras. Sem esquecer o Bragantino, que pela Copa Sul-Americana pode aumentar ainda mais essas vagas via Brasileirão.

O Palmeiras tem uma missão dificílima, mas viável, de brilhar e quebrar essa hegemonia de cariocas e mineiros, na Libertadores, onde enfrenta o Atlético na semifinal e, muito provavelmente, o Flamengo na decisão. Já pensou bater logo os dois favoritos e queimar a língua dos críticos?

Eu visto a carapuça, sem dúvida alguma. Mas, ao mesmo tempo, tenho poucas dúvidas de que esse voo mais alto vai ficar entre o Galo e o Urubu. O Periquito não tem asas para isso.

* Sergio du Bocage é apresentador do programa No Mundo da Bola, da TV Brasil.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Gabriel Medina conquista título do Circuito Mundial de Surfe

Esportes
18:57 | Set. 14, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Gabriel Medina fez história nesta terça-feira (14) ao conquistar o título do Circuito Mundial de Surfe ao superar Filipe Toledo na final do WSL Finals na praia de Lower Trestles, em San Clemente, Califórnia (EUA).

São Paulo terá reforço de Arboleda para decisão contra Fortaleza pela Copa do Brasil

Zagueiro de volta
18:03 | Set. 14, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O São Paulo realizou na manhã desta terça-feira seu último treinamento antes de embarcar rumo ao Ceará, onde enfrenta o Fortaleza, quarta, pela volta das quartas de final da Copa do Brasil, na Arena Castelão. Para essa partida, o técnico Hernán Crespo contará com o reforço de Arboleda, recuperado de lesão, e Igor Vinícius, que cumpriu suspensão no fim de semana, no Brasileiro.

Arboleda sofreu uma lesão na coxa direita que o tirou de todos os jogos após a eliminação na Libertadores. De lá para cá, o zagueiro chegou a realizar parte do seu tratamento no Equador, sendo acompanhado por profissionais da seleção de seu país durante a última Data Fifa, e chegou a ser cogitado para o duelo com o Fluminense, no último domingo, mas a comissão técnica preferiu preservá-lo para a decisão na Copa do Brasil.

Como não entra em campo praticamente há um mês, Arboleda poderia começar a partida desta quarta-feira como opção no banco de reservas, no entanto, Hernán Crespo planeja escalar o equatoriano como titular. Desta forma, o trio de zaga será formado pelo camisa 5, Miranda e Léo.

Quem também estará à disposição de Crespo para esse jogo decisivo é Igor Vinícius. O lateral-direito teve de cumprir suspensão automática no último domingo, contra o Fluminense, por acúmulo de cartões amarelos no Campeonato Brasileiro, e volta a ficar livre para atuar em um momento bastante propício, já que Daniel Alves não trabalha mais no São Paulo.

No último fim de semana, Galeano foi improvisado na lateral direita pelo fato de Orejuela, outra opção para o setor, estar se recuperando de um estiramento no adutor da coxa esquerda.

Marquinhos, por sua vez, segue como desfalque do São Paulo. O atacante vem trabalhando sob acompanhamento da preparação física, o que indica que ele está em fase final de recuperação, mas ainda não reúne condições de jogo após sofrer um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda há um mês e meio.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Olimpíada: judoca é suspenso por se recusar a lutar com israelense

Esportes
17:53 | Set. 14, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O argelino Fethi Nourine e seu técnico foram suspensos pela Federação Internacional de Judô (IJF) por 10 anos por se retirarem da Olimpíada de Tóquio (Japão) quando a chave da competição colocou o judoca a caminho de uma luta contra um atleta israelense.

O lutador de 30 anos deveria enfrentar o sudanês Mohamed Abdalrasool na primeira luta na categoria até 73 quilos, e uma vitória o faria enfrentar o israelense Tohar Butbul na rodada seguinte.

Nourine disse que seu apoio político à causa palestina tornou impossível a ele competir com Butbul.

O Comitê Olímpico Argelino retirou as credenciais do judoca e de seu técnico, Amar Benikhlef, e os mandou de volta para casa.

A IJF, que suspendeu ambos temporariamente, disse que os dois usaram os Jogos “como uma plataforma de protesto e promoção de propaganda política e religiosa”, o que violou seu código de ética e a Carta Olímpica.

Eles estão banidos de todos os eventos e atividades da IJF até 23 de julho de 2031, mas podem apelar à Corte Arbitral do Esporte (CAS), disse o comunicado da entidade.

Esta não foi a primeira vez em que Nourine se retirou de uma competição para evitar enfrentar um oponente israelense (ele abandonou o Mundial de 2019 em Tóquio pela mesma razão).

As tensões do conflito entre israelenses e palestinos voltaram à tona este ano, quando confrontos na Jerusalém em disputa desencadearam combates através da fronteira.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags