PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
Noticia

Dono da sexta melhor defesa da Série A, Ceará tenta repetir sequência sem sofrer gols

Sistema defensivo alvinegro passa em branco em quase metade das 13 partidas do Brasileirão e soma 12 tentos sofridos. Zagueiro Messias é o recordista de jogos

14:57 | 27/07/2021
Gabriel Lacerda e Messias já formaram a dupla de zaga do Ceará nove vezes na Série A (Foto: Felipe Santos/CearaSC)
Gabriel Lacerda e Messias já formaram a dupla de zaga do Ceará nove vezes na Série A (Foto: Felipe Santos/CearaSC)

A solidez defensiva do Ceará de Guto Ferreira é comprovada pelos números da equipe no Campeonato Brasileiro. Dos 13 jogos disputados, o Alvinegro saiu de campo sem ser vazado em seis e tem a sexta melhor defesa da competição, com 12 gols sofridos - empatado com Fluminense-RJ e Palmeiras-SP. Há duas partidas sem ver o adversário comemorar, o time de Porangabuçu tenta repetir a sequência de três embates sem tomar tentos.

A repetição de peças no setor também colabora para os números positivos. Titular absoluto, Richard atuou nove vezes e foi goleiro nos confrontos sem tentos tomados. O camisa 91 só ficou fora ao ser poupado e quando testou positivo para Covid-19, sendo substituído por João Ricardo, que se machucou, e Vinícius Machado, que entrou em campo quatro vezes.

Na zaga, Messias disputou todas as partidas da Série A até o momento. O companheiro com quem mais fez dupla foi o jovem Gabriel Lacerda: nove vezes. Nas outras duas, Klaus foi o parceiro do camisa 3. A lateral direita teve variações entre Gabriel Dias e Buiú, enquanto Bruno Pacheco é absoluto na esquerda.

O primeiro compromisso do Vovô sem sofrer gols foi na terceira rodada, no empate em 0 a 0 com a Chapecoense-SC, na Arena Condá. No início deste mês, a equipe emendou sequência de três jogos sem ver a própria rede balançar: empates com RB Bragantino-SP e Fluminense-RJ, ambos fora de casa, em vitória sobre o Juventude-RS na Arena Castelão.

Nos dois confrontos mais recentes, o time de Porangabuçu também saiu com a defesa intacta: bateu o Athletico-PR por 1 a 0 e ficou no 0 a 0 com o Sport-PE. Na tentativa de repetir a trinca, o próximo desafio será diante do arquirrival Fortaleza, domingo, 1º, às 20h30min, no Castelão, pela 14ª rodada do Brasileirão.

"Nós vamos pegar uma equipe que tem marcado muito bem, tem jogador com linhas consistentes, tem tido solidez e tomado poucos gols no campeonato, tanto é que figura entre as melhores defesas da competição, mas a nossa também está entre as melhores, também temos tomado poucos gols", ponderou o técnico Guto Ferreira.

Com os 12 gols sofridos, o Ceará está atrás de Fortaleza (nove gols), Flamengo-RJ e Atlético-MG (dez gols) e Sport-PE e Corinthians-SP (11 gols) no ranking defensivo.