Participamos do

Programação no Parque do Cocó dá inicio à Semana da Biodiversidade

Atividades de educação e preservação ambiental ocorrem até o dia 28 de maio, em diversas cidades do Estado. Dentre elas estão, oficinas, palestras, visitas e coleta de resíduos

Em alusão ao Dia Internacional da Diversidade Biológica, celebrado em 22 de maio, a Secretaria do Meio Ambiente (Sema), realiza a quarta Semana da Biodiversidade. Com o tema “Conheça a Flora e a Fauna do Ceará”, o evento acontece deste domingo, 22, até o próximo sábado, 28. A programação neste ano é presencial em diversas unidades de conservação (UCs) do Estado e conta também com palestras online.

Nesta manhã, atividades no Parque do Cocó, em Fortaleza, deram início ao período de educação ambiental e incentivo aos cearenses para se aproximarem das ações de preservação da fauna e da flora local. Os visitantes puderam participar de uma apresentação sobre sementes e espécies vegetais, distribuição de mudas e uma oficina sobre meliponicultura. 

Para Suelen Chaves, é uma oportunidade para conhecer a biodiversidade e incentivar que novas gerações trabalhem como ações para promover a diversidade de animais e vegetais. "Estou começando na área de reflorestamento e acredito que ações como essas causam curiosidade. Assim, as pessoas pesquisam, plantam, preservam e levam isso para outras pessoas", aponta Suelen, que levou a filha e a sobrinha ao Cocó nesta manhã.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Nosso objetivo na Semana da Biodiversidade é fazer com a sociedade conheça as espécies animais e vegetais do nosso Estado e lute pela sua preservação e até pelo seu aumento", destaca Artur Bruno, titular do Meio Ambiente do Ceará. Segundo ele, a pasta está iniciando um projeto para estimular as visitas aos doze viveiros públicos, o "Um dia no viveiro". Além disso, a secretaria pretende produzir uma cartilha sobre a fauna e flora cearenses a fim de popularizar o conhecimento sobre as espécies. "Não podemos mais nos permitir perder mais espécies como já perdemos", completa o secretário. 

O Inventário da Flora Cearense, lançado em maio de 2021, dá conta de que existem pelo menos 2.465 de espécies plantas com flores e frutos em diferentes locais do Estado. Já a fauna do Ceará possui, no mínimo, 3.868 espécies, conforme os inventários de vertebrados e de invertebrados lançados no ano passado. Em fevereiro, a Sema divulgou a lista vermelha dos mamíferos terrestres presentes no Ceará: dois já estão extintos (anta e tatu canastra) e quatro estão provavelmente extintos (onça-pintada, tamanduá-bandeira, queixada e preguiça nativa).

"A gente dedica essa semana para ações de educação ambiental e conservação da biodiversidade, que consegue ser garantida pela criação de Unidades de Conservação. Por exemplo, temos os monólitos de Quixadá que são preservados dessa forma. Aqui, o Parque do Cocó, também é uma dessas unidades", expõe a coordenadora de Biodiversidade da Sema, Doris Day Santos.

Ela defende que o conhecimento sobre a biodiversidade está ligado à sensibilização e à preservação; por isso, nesta semana estão previstas atividades em Fortaleza, Beberibe, Caucaia, Eusébio, Guaramiranga, Ipu, Jijoca de Jericoacoara, Maranguape, Paracuru, São Gonçalo do Amarante. "Onde temos UCs geridas pela Sema, temos atividades: plantio, trilhas, coleta de resíduos, oficinas e capacitações. É uma programação bem vasta divulgada no site e nas redes sociais da secretaria", conclui.

Agentes Jovens Ambientais

Os agentes jovens ambientais foram boa parte do público nesta manhã no Parque do Cocó. Os jovens fazem parte do programa criado pelo Estado em 2021.

O programa oferece oportunidade de atuação em projetos socioambientais para dez mil jovens cearenses, com idades entre 15 e 29 anos, vindos de famílias que estão no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e matriculados em escola pública ou com o ensino médio completo na rede pública. Atualmente, o programa conta com agentes ambientais atuando em todos os 184 municípios cearenses e tem 1.085 vagas abertas para atuação em Fortaleza. As inscrições devem ser feitas pelo site da Sema (sema.ce.gov.br). 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar