Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Resultados do Brasil na Olimpíada dia 5: nenhuma medalha, vitória no futebol e derrota no vôlei

O POVO faz o balanço dos resultados da equipe tupiniquim entre a noite de domingo, 26, até a manhã desta segunda-feira, 27
12:04 | Jul. 28, 2021 Autor - Lucas Mota Tipo

O Time Brasil terminou o dia 5 da Olimpíada de Tóquio sem medalhas. Em uma das modalidades em que havia expectativa de pódio, o judô, a participação de Maria Portela ficou marcada por polêmica decisão de arbitragem que tirou a atleta da disputa. A natação disputou finais, mas não teve desempenho suficiente para ficar entre os três primeiros. O POVO faz o balanço dos resultados da equipe tupiniquim entre a noite de terça-feira, 27, até a manhã desta quarta, 28.

+ "Enquanto você dormia dia 5": desistência de Biles, vitória do Brasil no futebol e polêmica no judô

+ Veja o quadro de medalhas atualizado

A seleção brasileira masculina de vôlei de quadra perdeu a primeira em Tóquio. Mas o Time Brasil também conquistou resultados importantes no dia 5, como a vitória no futebol masculino e o triunfo histórico da dupla Laura Pigossi e Luísa Stephani, que se classificou para a semifinal. Confira abaixo o resumo completo dos resultados dos atletas brasileiros:

Derrota amarga no vôlei para os russos

Bruninho e companhia foram derrotados pelo Comitê Olímpico Russo por 3 a 0. Próximo jogo do Brasil é contra os Estados Unidos e vale a classificação.

Polêmica no judô
Maria Portela foi eliminada na categoria até 70kg após ser derrotada pela russa Madina Taimazova. Em duelo que durou mais de 14 minutos, o resultado causou polêmica por decisão da arbitragem. A brasileira aplicou um golpe no golden score, porém os árbitros de vídeo entenderam que não foi um wasari. No masculino, Rafael Macedo também sofreu o revés na categoria até 90kg.

Richarlison comanda vitória do Brasil
A seleção brasileira de futebol confirmou a força da equipe no grupo D, bateu a Arábia Saudita por 3 a 1 e avançou para o mata-mata na Olimpíada. Richarlison marcou dois gols no triunfo do Brasil e se tornou o artilheiro isolado da competição com cinco gols. Egito será o rival dos brasileiros nas quartas de final.

Brasil disputa finais, mas fica sem medalha na natação
O Time Brasil disputou duas finais em provas da natação. Nos 200m borboleta, Leonardo de Deus terminou em sexto lugar. Já no revezamento 4x200m livres, com participação do cearense Luiz Altamir, os brasileiros ficaram na última posição.

Feito histórico no tênis
As tenistas Lauro Pigossi e Luísa Stefani fizeram história pelo Time Brasil ao avançar para as semifinais do tênis de dupla. É a primeira que mulheres brasileiras chegam a esta fase na modalidade em uma edição dos Jogos Olimpícos.

Calderano é eliminado, mas fez história em Tóquio
Mesatenista Hugo Calderano foi derrotado pelo alemão Dimitrij Ovtcharov, bronze em Londres-2012 e ex-número 1 do ranking mundial do tênis de mesa, por 4 a 2 nas quartas de final. Apesar da derrota, a participação do mesatenista do Brasil é positiva. A classificação para as quartas de final de Calderano entra para a história do país em Jogos Olímpicos, que antes de Tóquio nunca tinha chegado tão longe na competição.

Cearense derrotada no vôlei
A dupla brasileira formada pela cearense Rebecca Silva e Ana Patrícia perdeu para as letãs Kravcenoka e Graudina por 2 sets a 1, no vôlei de praia. Este jogo foi válido pela segunda rodada da fase de grupos.

Brasil fora do pódio na ginástica artística
Caio Souza e Diego Souza não conseguiram ficar no pódio da final do individual geral da ginástica artística na manhã desta quarta-feira. Caio terminou na 17ª colocação, enquanto Diogo Soares ficou na 20ª posição.

Canoagem na semifinal
Dois brasileiros garantiram vaga para a semifinal na canoagem. Ana Sátila se classificou na categoria C-1 (canoa) com o quarto lugar, enquanto Pepê Gonçalves avançou em décimo colocado na K-1.

Oitavas de final garantida no tiro com arco
O brasileiro Marcus D'Almeida venceu o holandês Sjef van den Berg e garantiu vaga nas oitavas de final no tiro com arco. O próximo rival é o italiano Mauro Nespoli. Eles se enfrentam Às 21h30min da próxima sexta-feira.

Vitória no boxe
O boxeador brasileiro Keno Marley venceu a eliminatória do boxe (meio-pesado) na Olimpíada de Tóquio. Em luta contra o chinês Daxiang Chen, Keno ganhou por nocaute técnico, após vencer o primeiro assalto por 10 a 9.

Ygor Coelho se despede no badminton
Ygor Coelho acabou eliminado do badminton nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O brasileiro foi derrotado pelo japonês Kanta Tsuneyama por 2 sets a 0 (21 a 14 e 21 a 8, respectivamente).

Eliminação de Fabiana Silva no badminton
Fabiana Silva se despediu do torneio feminino de badminton da Olimpíada de Tóquio (Japão) ainda na primeira fase ao perder da chinesa naturalizada norte-americana Beiwen Zhang por 2 sets a 0, com parciais de 9/21 e 10/21, no Parque Florestal Musashino.

Mais uma derrota no handebol masculino
A Seleção Brasileira de handebol masculino perdeu para a Espanha na manhã desta quarta-feira por 32 a 25. O jogo valeu pela terceira rodada do grupo A dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Dupla mista brasileira eliminada no tênis

O Brasil foi derrotado na manhã desta quarta-feira, 28, para a Sérvia na primeira rodada do tênis de duplas mistas. Luisa Stefani e Marcelo Melo perderam para Stojanovic e Djokovic por 2 sets a 0.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Resultados do Brasil na Olimpíada dia 4: ouro, bronze e Marta e cia classificadas

TÓQUIO
2021-07-27 11:01:00 Autor Lucas Mota Tipo Notícia

O Time Brasil conquistou resultados expressivos no dia 4 da Olimpíada de Tóquio. Além das medalhas de ouro e de bronze no surfe e na natação, os brasileiros anotaram vitórias importantes e garantiram classificações ao longo da programação olímpica em modalidades como o futebol, vôlei de quadra, tênis, boxe, tênis de mesa, entre outras. O POVO faz o balanço dos resultados da equipe tupiniquim entre a noite de domingo, 26, até a manhã desta segunda-feira, 27.

+ "Enquanto você dormia dia 4": ouro do Brasil no surfe, bronze na natação e estrela eliminada

No dia 4, o Brasil também amargou derrotas amargas no vôlei de praia, com as duplas Alison e Álvaro e Agatha e Duda, e da judoca Ketleyn Quadros, que impediu chances de medalha no judô. Única representante na reta final do surfe feminino, a cearense Silvana Lima se despediu dos Jogos Olímpicos.

Veja o quadro de medalhas atualizado: EUA lidera

É ouro no surfe!
O potiguar Ítalo Ferreira deu show no mar da Praia de Tsurigasaki com aéreos e outras manobras radicais para ficar com a medalha de ouro no surfe. Ele venceu o australiano Owen Wright na semifinal e o japonês Kanoa Igarashi na decisão.

Medina roubado?
O paulista Gabriel Medina, que era favorito à medalha de ouro no surfe, perdeu na semifinal para o japonês Kanoa Igarashi. As notas dadas pelos juízes da prova causaram revolta nas redes sociais com internautas questionando o resultado. O próprio surfista mostrou insatisfação com os critérios da arbitragem. A esposa do atleta, Yasmin Brunet, também reclamou em live no Instagram.

Cearense Silvana Lima se despede
A surfista natural de Paracuru se despediu das Olimpíadas após ser derrotada nas quartas de final pela atleta Carissa Moore, dos Estados Unidos, considerada a melhor do mundo na modalidade.

+ Após eliminação na Olimpíada, cearense Silvana Lima agradece apoio da torcida em Paracuru

Bronze surpresa
Fora do radar de medalhas, o gaúcho Fernando Scheffer surpreendeu na final dos 200m livres e conquistou o bronze para o Time Brasil. Ele fechou a prova com tempo de 1:44.66 e ficou atrás apenas dos britânicos Duncan Scott (1:44.26) e Thomas Dean (1:44.22).

Finais na natação com cearense
Com participação do cearense Luiz Altamir, o Brasil garantiu vaga na final da prova 4x200m livres na natação. Guilherme Costa também é finalista nos 800m livres com recorde sul-americano.

Resultado histórico no tênis de mesa
Hugo Calderano conseguiu feito inédito para o Brasil ao bater Jang Woojin, da Coreia do Sul, e garantir vaga nas quartas de final no tênis de mesa. Gustavo Tsuboi se despediu dos Jogos Olímpicos ao perder nas oitavas de final.

Emoção no vôlei de quadra feminino
Em jogo duro, a seleção feminina de vôlei conseguiu vencer a República Dominicana nesta terça-feira, 27. O Brasil venceu a partida no tie break, set decisivo, por 3 x 2.

Clique na imagem para abrir a galeria

Marta e cia classificadas
A Seleção Brasileira Feminina enfrentou a Zâmbia pela terceira rodada da fase de grupos dos Jogos Olímpicos. Em Saitama, a equipe comandada por Pia Sundhage venceu por 1 a 0, com gol de Andressa Alves.

Vôlei de praia: duas derrotas e uma vitória
Na madrugada desta terça, a dupla brasileira Evandro e Bruno somou mais uma vitória. Por outro lado, as duplas Alison e Álvaro e Agatha e Duda foram derrotadas.

Dupla surpreende no tênis 
As brasileiras Laura Pigossi e Luisa Stefani derrotaram nesta terça-feira (27) as favoritas tchecas Karolina Pliskova e Marketa Vondrousova por 2-1, pela segunda rodada do torneio olímpico em Tóquio, e garantiram vaga nas quartas de final.

Mão pesada no boxe
O peso-pesado Abner Teixeira estreou com vitória e avançou às quartas de final na manhã desta terça-feira (27) contra o número cinco do mundo Chaeavon Clarke (Grã-Bretanha). Estreante em Olimpíadas, o pugilista paulista, de 25 anos, 14º no ranking mundial, ganhou por 4 a 1, na categoria acima de 91 quilos.

Vitória do handebol brasileiro
A seleção brasileira de handebol feminino bateu a Hungria por 33 a 27 na segunda rodada, em Tóquio. Depois de iniciar a campanha com um empate com o Comitê Russo, a equipe brasileira assumiu provisoriamente a ponta de sua chave.

Judô sem medalhas
Esperança de medalhas no judô na madrugada desta terça, Ketleyn Quadros foi eliminada na repescagem para a holandesa Juul Franssen e ficou de fora da briga pelo bronze. No masculino, Eduardo Yudy Santos foi derrotado na primeira luta para o israelense Sagi Muki.

Eliminação na canoagem brasileira
A brasileira Ana Sátila está fora da final da canoagem slalom K-1. Na competição, que aconteceu nesta madrugada na Olimpíada de Tóquio, ela não conseguiu ficar entre as dez primeiras posições necessárias para chegar à última etapa.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Resultados do Brasil na Olimpíada dia 3: prata no skate, surfe em alta e emoção no vôlei

TÓQUIO
2021-07-26 13:06:00 Autor Lucas Mota Tipo Notícia

Medalha de prata no skate, domínio no vôlei de praia e de quadra, surfe na briga por pódio com participação de cearense e atuação histórica no badminton. O POVO faz o balanço dos resultados dos brasileiros no dia 3 das Olimpíadas de Tóquio, equivalente à noite de domingo, 25, até a manhã desta segunda-feira, 26.

"Enquanto você dormia dia 2": primeiras medalhas do Brasil, 100% no vôlei e no surfe e recorde

O Brasil também teve resultados negativos no dia 3. A equipe brasileira acumulou eliminações em esportes de luta, como o boxe, taekwondo e judô. Na natação, o time tupiniquim não conseguiu a medalha no revezamento 4x100m, mas garantiu classificação para a final em prova individual.

Veja o quadro de medalhas atualizado: China lidera

Brilha, Fadinha!
Com apenas 13 anos, Rayssa Leal, a Fadinha, conquistou a medalha de prata na modalidade de street no skate feminino. A maranhense se tornou a brasileira mais jovem a subir no pódio em uma edição de Olimpíada. No dia 2, o skate também subiu ao pódio com Kelvin Hoefler.

+ Prata na Olimpíada, Rayssa Leal cita sonho realizado e Leticia Bufoni: "Minha inspiração"

Surfe na briga por medalha com cearense
Forte candidato a medalhas, o Time Brasil segue na briga por pódio no surfe. A cearense Silvana Lima é a única representante brasileira nas quartas de final na modalidade feminina. No masculino, Gabriel Medina e Ítalo Ferreira avançaram.

+ Amigos e familiares se reúnem em Paracuru para torcer por Silvana Lima; veja vídeos

Com jogo emocionante, vôlei segue com 100% de aproveitamento
No dia 3 de Olimpíada, o vôlei venceu os jogos na quadra e na praia. A dupla Ana Patrícia e Rebecca estrearam com vitórias sobre as quenianas Makokha a Khadambi. Na quadra, a seleção masculina bateu a Argentina em jogo emocionante decidido no tie-break. Até agora, o Time Brasil não perdeu nenhuma partida nos Jogos Olímpicos.

Dia histórico no badminton
Ygor Coelho conquistou a primeira vitória do Brasil na história do badminton em Jogos Olímpicos. O carioca, de 24 anos, superou Georges Julien Paul, das Ilhas Maurício, por 2 a 0.

Natação: derrota em final no revezamento e classificação para decisão em prova individual
O Brasil ficou na última colocação na final do revezamento 4x100m livres da natação. A equipe dos Estados Unidos ficou com o ouro. Na prova individual dos 200m livres, Fernando Scheffer se classificou para a decisão.

Cearense no triatlo
Cearense Manoel Messias terminou prova de triatlo em 28º e dá adeus a Tóquio 2020. Manoel Messias tem 24 anos, nasceu em Fortaleza, é campeão do Campeonato Pan-americano de Triathlon 2019, tendo sido o único triatleta homem a representar o Brasil nos Jogos Olímpicos do Japão.

Brasileira perde disputa por bronze no taekwondo
Milena Titoneli ficou em quarto lugar na categoria até 67 kg no taekwondo. Ela perdeu a disputa da medalha de bronze para Ruth Gbagbi, da Costa do Marfim.

Boxeadora eliminada nas oitavas
Jucielen Romeu perdeu para a britânica Karris Artinsgstall nas oitavas de final da categoria até 57 kg do boxe. A adversária venceu por 5 a 0. Na modalidade, não há repescagem e a atleta deu adeus a sua primeira Olimpíada.

Clique na imagem para abrir a galeria

Derrota no judô
Um dia após a conquista de bronze de Daniel Cargnin, o judoca Eduardo Katsuhiro foi eliminado na primeira rodada, na madrugada deste domingo, para o francês Gillaume Chaine.

Sem medalha no ciclismo
O ciclista brasileiro Henrique Avancini ficou em 13º lugar na competição de Mountain Bike nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ele liderou a corrida no começo, mas não conseguiu manter o ritmo.

Situação complicada do Brasil no handebol masculino
A Seleção Brasileira masculina de handebol sofreu sua segunda derrota nas Olimpíadas nesta noite de domingo. O adversário da vez foi a forte seleção da França, que venceu por 34 a 29.

Robert Scheidt sobe posições
O brasileiro teve um dia de recuperação na disputa da classe laser da vela dos Jogos Olímpicos. O veterano ganhou três posições na classificação geral em relação ao dia anterior, passando de 11° para o oitavo lugar nesta segunda-feira.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags