PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
Noticia

Com lesão muscular, Tinga segue como desfalque do Fortaleza na Copa do Nordeste

Lateral-direito sofreu estiramento na coxa esquerda contra o Caxias-RS, ficou fora do Clássico-Rei e não poderá enfrentar o Santa Cruz-PE

17:14 | 22/03/2021
Lateral-direito Tinga segue em recuperação de estiramento na coxa esquerda (Foto: JÚLIO CAESAR)
Lateral-direito Tinga segue em recuperação de estiramento na coxa esquerda (Foto: JÚLIO CAESAR)

Ausente do primeiro Clássico-Rei da temporada 2021, o lateral-direito Tinga segue em recuperação de lesão muscular e será novamente desfalque do Fortaleza na partida diante do Santa Cruz-PE, na próxima terça-feira, 23, às 21h30min, na Arena Castelão, pela quinta rodada da Copa do Nordeste.

Na última quarta-feira, 17, o camisa 2 foi substituído com dores na vitória por 1 a 0 sobre o Caxias-RS, no estádio Centenário, pela primeira fase da Copa do Brasil. O jogador foi submetido a exame de imagem, que detectou estiramento grau um na região posterior da coxa esquerda.

O lateral de 27 anos, então, deu início ao tratamento de fisioterapia e foi baixa no empate sem gols com o Ceará, no último sábado, 20, e também não poderá enfrentar o time pernambucano. Pelo nível da lesão, a expectativa é que possar estar à disposição diante do 4 de Julho, no próximo sábado, 27, pelo torneio regional.

LEIA MAIS

+ Fortaleza avança em conversas e negocia renovação com Wellington Paulista
+ Por reclamação contra arbitragem, dirigentes do Fortaleza serão julgados no STJD
+ Sistema defensivo do Fortaleza ganha cara nova com Enderson no início da temporada

Sem Tinga, o técnico Enderson Moreira optou pelo volante Pablo improvisado na posição. Anunciado no início deste mês e regularizado na semana passada, o lateral-direito Daniel Guedes aprimora a parte física para passar a figurar entre os relacionados das partidas.

"O (Daniel) Guedes demanda um tempo ainda pelo longo período inativo, e a gente já sabia disso desde o início", explicou o treinador, em entrevista coletiva após o clássico.

Com duas vitórias e dois empates em quatro jogos, o Tricolor ocupa a vice-liderança do Grupo B do Nordestão, com oito pontos.