PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Lateral Daniel Guedes é regularizado e já pode estrear pelo Fortaleza

Jogador ganhou condições de atuar já no Clássico-Rei deste sábado, mas a participação dele no duelo depende da condição física e da vontade de Enderson Moreira

Brenno Rebouças
17:14 | 18/03/2021
Lateral-direito Daniel Guedes em treino do Fortaleza no Centro de Excelência Alcides Santos, no Pici (Foto: Leonardo Moreira / Fortaleza EC)
Lateral-direito Daniel Guedes em treino do Fortaleza no Centro de Excelência Alcides Santos, no Pici (Foto: Leonardo Moreira / Fortaleza EC)

Enderson Moreira ganhou mais uma opção para o Clássico-Rei deste sábado, válido pela Copa do Nordeste. O lateral-direito Daniel Guedes, um dos reforços contratados, teve seu nome publicado no BID e está regularizado.

O jogador chega para disputar posição com Tinga, já que Ederson tem atuado mais como volante, apesar de também já ter jogado na direita com a camisa tricolor. A estreia dele depende das condições físicas e, claro, da vontade do técnico.

O jogador chegou no Pici há pelo menos duas semanas, mas só foi apresentado oficialmente nesta quinta-feira, 18. Ele tem contrato com o Leão até o fim da temporada e veio por empréstimo do Santos.

Apresentação

Ao lado do novo diretor de futebol do clube, Alex Santiago, Daniel Guedes foi apresentado à torcida e respondeu a algumas perguntas da imprensa. O jogador descreveu um pouco das características que possui e explicou o fato de atuar também como meia.

"Sou um lateral-direito um pouco mais ofensivo. Nas categorias de base do Santos eu era meia, mas quando o clube passou a ter falta de lateral, me colocaram na direita. Minha principal dificuldade nessa mudança de posição era a marcação, mas com o tempo fui evoluindo, melhorando bastante. Tenho bom passe, já evolui bastante na marcação, mas o setor ofensivo e esse último passe, cruzamento, nesse tempo de carreira (que tenho) tem sobressaído muito, em todos os lugares que passei", disse o jogador.

Apesar de fazer as duas funções, Daniel Guedes deixou claro que tem preferência por atuar como lateral-direito, apesar de se colocar à disposição para atuar pelo meio se Enderson Moreira solicitar. Aliás, o defensor revelou que o comandante tricolor teve papel importante em sua carreira.

"O Enderson, de fato, é uma pessoa muito especial para mim. Eu não joguei com ele somente no Cruzeiro, ele foi o responsável pela minha estreia no profissional do Santos”, relatou. O treinador, então, foi um dos fatores que pesou para aceitar o convite do Tricolor, mas não o mais relevante. "A camisa do Fortaleza é o fator principal que pesa quando se tem uma proposta como a do clube, que já está na elite há alguns anos, na mesa", completou.