PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Covid-19: Ceará pode vacinar todos a partir de 12 anos até agosto, diz Cabeto 

Ainda não há previsão sobre quando adolescentes podem começar a receber o imunizante contra a Covid-19. Estado aguarda inclusão da faixa etária no Plano Nacional de Imunização pelo Ministério da Saúde

19:32 | 13/07/2021
Atualmente, Ministério da Saúde preconiza que apenas maiores de idade podem receber imunizante contra a Covid-19 no Brasil (Foto: Fernanda Barros)
Atualmente, Ministério da Saúde preconiza que apenas maiores de idade podem receber imunizante contra a Covid-19 no Brasil (Foto: Fernanda Barros)

O Ceará pode vacinar população até 12 anos contra a Covid-19 até o fim de agosto, conforme o secretário da Saúde do Estado do Ceará, Dr. Cabeto. Entretanto, ainda não há previsão sobre quando os adolescentes devem começar a receber doses da vacina. O Ceará aguarda inclusão do público no Plano Nacional de Imunização (PNI), coordenado pelo Ministério da Saúde, para iniciar a vacinação de pessoas a partir de 12 anos.

A Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) já iniciou o cadastro dos cearenses entre 12 e 17 anos no Saúde Digital. Aplicação da vacina é preconizada para pessoas a partir de 18 anos. Durante a inauguração do Centro de Testagem do Viajante, no Aeroporto Internacional de Fortaleza, nesta terça-feira, 13, o secretário reiterou meta de vacinar população adulta até o fim de agosto. "Nós esperamos ter pelo menos a população a até 18 anos 100% vacinada até o final de agosto. Em uma esperança, que não é tão impossível, talvez até 12 anos", projetou. 

Na ocasião, Dr. Cabeto anunciou que o Governo do Ceará pretende aplicar a segunda dose em todos os professores do Estado até o fim do mês de agosto, tendo em vista a previsão de retomada do ensino presencial para o próximo mês. 

Secretário também comentou que a antecipação da segunda dose das vacinas da Astrazeneca e da Pfizer, "para que a gente possa ter a cobertura vacinal completa", está sendo discutida pela pasta.

Em reunião realizada com ministro Marcelo Queiroga na manhã desta terça-feira, 13, o governador Camilo Santana (PT) apelou pela vacinação dos menores de 18 anos com comorbidades. Governadores ainda cobraram o cumprimento do cronograma de envio das vacinas aos estados.

Em Fortaleza, seriam necessárias apenas duas semanas para toda a população até os 12 anos cadastrada no Saúde Digital ser vacinada contra a Covid-19 com a primeira dose, secretária da Saúde, Ana Estela. Alcance seria possível se houvesse uma regularidade da entrega e estoque de vacinas na Capital.