PUBLICIDADE
Ceará
Noticia

DJ Ivis é levado para o presídio

O músico saiu do local pelo estacionamento, dentro de uma viatura, e tentou se esconder da imprensa e de populares

15:57 | 16/07/2021
Ivis saiu pelo estacionamento, dentro de uma viatura policial. (Foto: BARBARA MOIRA)
Ivis saiu pelo estacionamento, dentro de uma viatura policial. (Foto: BARBARA MOIRA)

Atualizada às 17h41min

DJ Ivis deixou, na tarde desta sexta-feira, 16, a Delegacia de Capturas (Decap) e foi levado à Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, localizada em Aquiraz, onde ficará detido. O músico saiu do local pelo estacionamento, dentro de uma viatura, e tentou se esconder da imprensa e de populares.

Investigado pelas agressões à sua ex-esposa Pamella Holanda, o artista estava preso preventivamente desde a última quarta-feira, 14. Na manhã desta sexta, o Poder Judiciário da comarca do Eusébio, onde um dos inquéritos contra o DJ foi instaurado, decidiu em audiência de custódia manter a prisão do músico.

Com a decisão, Ivis foi transferido para um presidio em Aquiraz, sendo locomovido por uma viatura policial. O artista entrou no carro ainda dentro do estacionamento da instituição e tentou esconder o rosto da população e da imprensa que estava no local. Ao notarem a viatura saindo, populares gritaram frases como "mostra a cara", e alegaram que o artista estava sendo protegido.

| SOBRE O ASSUNTO |

Agressões de DJ Ivis a Pamella Holanda serão investigadas em dois inquéritos

Entenda o porquê de o DJ Ivis não responder pela Lei Maria da Penha de imediato

DJ Ivis: defesa deve pedir relaxamento da prisão e adoção de medidas cautelares nesta sexta, 16

Mais quatro testemunhas devem depor sobre agressões a Pamella, revela advogado de DJ Ivis

DJ Ivis "está bastante abalado emocionalmente", diz advogado de defesa

O músico vai responder a dois inquéritos por lesão corporal no âmbito da violência doméstica e familiar, em decorrência das agressões cometidas contra Pamella Holanda, sua ex-esposa. Os inquéritos são da Delegacia do Eusébio e pela Delegacia de Defesa da Mulher.

A defesa de Ivis havia afirmado anteriormente que pediria hoje à Justiça do Ceará pela revogação da prisão temporária do músico. A solicitação seria realizada em troca da adoção de medidas cautelares, como o uso de tornozeleira eletrônica e recolhimento domiciliar. 

Entenda o caso

No último domingo, 11, as agressões sofridas por Pamella vieram a tona por meio de uma notícia veiculada no jornal Metrópoles, pelo jornalista Léo Dias. Horas depois da publicação, a própria vitima publicou em seu perfil no Instagram imagens de momentos em que recebeu socos e chutes de Ivis. Os atos violentos chegaram a acontecer na frente da filha do casal, que ainda é uma bebê, e ocorriam desde o ano passado.

Três dias após o caso repercutir o DJ teve a prisão preventiva decretada, em decorrência de um Boletim de Ocorrência (BO) que Pamella tinha registrado no início deste mês. Em paralelo a isso, os vídeos publicados pela vitima deram abertura a outro procedimento de investigação. Isso porque as imagens correspondiam a dezembro do ano passado, não havendo denúncia na época.

Confira fotos da saída de Ivis do Decap:

Clique na imagem para abrir a galeria


Com informações do repórter Luciano Cesário