Participamos do

"A gente precisa encontrar o caminho da vitória", alerta Bruno Pacheco, do Ceará

De volta após suspensão, lateral-esquerdo projeta confronto direto diante do Juventude-RS, em Caxias do Sul, e lamenta ausência de Vina, mas destaca força do elenco
11:16 | Out. 22, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Novamente à disposição após cumprir suspensão automática, o lateral-esquerdo Bruno Pacheco retorna ao time titular do Ceará na partida diante do Juventude-RS, no próximo sábado, 23, às 17 horas, no estádio Alfredo Jaconi, pela 28ª rodada da Série A, e alerta que a equipe precisa vencer o confronto direto para se distanciar da zona de rebaixamento e subir na classificação.

Ainda sem vencer como visitante na competição, o Alvinegro mede forças com o Jaconero em Caxias do Sul na tentativa de quebrar o tabu e se afastar do Z-4. O time de Porangabuçu ocupa a 14ª posição, com 31 pontos, enquanto a equipe gaúcha abre o grupo da degola, na 17ª colocação, com três pontos a menos.

"Eu venho batendo nessa mesma tecla: o próximo jogo sempre é o mais importante. Muitas vezes o resultado não acontece, mas não está faltando dedicação, entrega, trabalho durante a semana. A gente precisa encontrar o caminho da vitória, voltar a vencer e encarar como mais um jogo muito importante, um confronto direto. Em outras ocasiões, tivemos situações de pegar times da parte de baixo da tabela e tivemos muita dificuldade. A gente sabe da qualidade da equipe do Juventude, que também vai fazer um jogo de decisão. Temos que chamar a responsabilidade, sabemos da nossa qualidade, que temos condições, sim, de vencer o adversário, com todo o respeito. Se a gente quer voltar a vencer, encontrar o caminho da vitória, tem que trabalhar bastante, com pés no chão. Tenho certeza que a vitória está próxima", analisou o camisa 6 em entrevista coletiva.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Titular absoluto do Vovô, Bruno Pacheco volta à equipe após cumprir suspensão na derrota por 2 a 1 para o Palmeiras-SP, na última quarta-feira, 20. O defensor destacou a importância do período de treinos durante a semana e promete voltar com fôlego renovado diante do Juventude-RS, que terá a estreia do técnico Jair Ventura à beira do campo.

"Claro que quando a gente não joga não fica sem fazer nada no clube, pelo contrário, a gente faz um trabalho mais controlado, consegue fazer um trabalho mais específico. Quando tem jogos no final de semana e meio de semana, muitas vezes a gente prioriza mais o descanso. É importante para alinhar algumas coisas, ainda mais uma sequência grande que eu tenho tido desde a temporada passada. O desgaste de jogos e viagens é muito grande. A gente tem um suporte muito grande do estafe por trás disso, pessoal de fisiologia, nutrição, preparadores físicos. Independente se a gente joga final de semana ou meio de semana, deixam a gente sempre bem para estar, no mínimo, perto do 100% para os jogos. É importante para alinhar algumas coisas, descansar, treinar algumas situações um pouco mais, academia, trabalho de força, que muitas vezes não dá tempo, para chegar 100% no fim de semana e ajudar os companheiros", explicou.

Desta vez, o desfalque do Ceará será o meia Vina, que recebeu o terceiro cartão amarelo no último compromisso. O camisa 6 reconhece que o camisa 29 é uma baixa relevante para a equipe, mas destaca a força do elenco e mostra confiança em quem for escolhido para exercer a função.

"São coisas que acontecem durante a competição. O professor Tiago tem rodado bastante o elenco, muitos jogadores têm entrado e correspondido também. É claro que o Vina faz falta, sim, um desfalque grande para a nossa equipe, mas tem outros jogadores que vêm treinando. Tenho certeza que quem entrar vai corresponder. Independente de quem jogue, a gente tem que mostrar que nosso grupo é forte. Independente dos 11 que comecem jogando, a gente tem que buscar as vitórias", afirmou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags