PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Invasão ao campo, agressão e vandalismo: veja balanço da PM de ocorrências em Clássico-Rei

Balanço da Polícia Militar detalha as ocorrências registradas dentro do Castelão durante partida entre Fortaleza e Ceará

19:02 | 11/11/2019
Ação policial nas arquibancadas do Castelão.
Ação policial nas arquibancadas do Castelão. (Foto: O POVO)

O Clássico-Rei do último domingo, 10, teve a festa nas arquibancadas marcada, também, por violência dentro do palco do espetáculo. Detenções, denúncia de agressões por parte de agentes da Guarda Municipal de Fortaleza, cadeiras quebradas e invasão a campo, foram algumas das ocorrências registradas pela Polícia Militar do Ceará (PMCE).

Confira abaixo balanço da PM

Corpo de Bombeiros Militar informou atendimento a pessoas com lesão no setor premium. Segundo comunicado, teriam sido vítimas de um disparo de munição menos letal (de impacto controlado - bala de borracha) por parte de guardas municipais, que se encontravam no vomitório entre o setor premium e inferior norte.

Conforme acordado em reunião na Federação Cearense de Futebol (FCF), a torcida visitante, no caso Ceara Sporting Clube, deveria deixar a Arena Castelão 60 minutos após o término da partida por motivo de segurança. Durante esse período, foi registrado tumulto e vandalismo no setor norte, já que torcedores do Ceará passaram a quebrar e lançar as cadeiras em direção ao campo e nas patrulhas policiais, sendo, então, necessário o uso progressivo da força para conter o tumulto. Durante tumulto no setor norte, ao término da partida, foi identificado e conduzido à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) um adolescente. Além do adolescente, foi identificado e conduzido à delegacia o torcedor Daniel Guimarães da Silva, onde foi registrado Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO);

Invasão de campo: durante o segundo tempo da partida, um torcedor, identificado como Francisco Adailton do Nascimento Alves, invadiu o campo e correu em direção aos jogadores do Ceará. Os policiais militares, que atuam como “pinça” no interior do campo, fizeram a contenção do mesmo no gramado e o conduziram à delegacia;

Conforme observado pelo videomonitoramento da Arena Castelão, um torcedor do Fortaleza, na arquibancada Superior Sul, estava usando balaclava. Foi deslocada uma patrulha da Polícia Militar ao local, tendo sido o torcedor conduzido à delegacia;

Registro de dois Termos Circunstanciados de Ocorrências (TCOs) no 16ºDP por posse de entorpecentes.