Juliette e Duda Beat não possuem ‘vínculo com criação da campanha’, diz Bauducco

Bauducco cancela campanha publicitária com Juliette e Duda Beat após acusação de plágio em música de Emicida

Após serem acusadas de plágio, Juliette e Duda Beat foram retiradas da responsabilidade da produção de “Magia Amarela”.

A canção, lançada nesta quarta-feira, 18, foi acusada de plagiar “AmarElo”, projeto audiovisual do rapper Emicida. Com a controvérsia, as artistas revelaram que a parceria musical se tratava de uma publicidade da marca Bauducco.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Na nota divulgada na noite desta quarta-feira, 18, a Bauducco, empresa alimentícia responsável pela criação do projeto que envolvia Juliette e Duda Beat, confirmou que as cantoras não possuem vínculo com a criação da campanha”.

“A escolha das cantoras Juliette e Duda Beat refletiu o propósito da campanha: são duas artistas que já tinham uma amizade e formam ‘uma família’ com base nos laços de afeto, afinidade e da arte”, explica o comunicado. Na publicação, a empresa detalha que os “materiais gráficos de divulgação seria a mesma já usada pela marca”.

De acordo com apontamentos feitos por usuários nas redes sociais, não apenas a estética do cenário é semelhante ao do projeto de Emicida - que contém participações de Majur e Pabllo Vittar -, mas a letra e tipografia utilizadas para o pôster são similares.

Com a polêmica, a Bauducco afirma que a campanha publicitária que tem participação de Juliette e Duda Beat foi cancelada e que “seguirá dialogando com os artistas envolvidos”.

Irmão de Emicida aponta apropriação em 'Magia Amarela', feat de Juliette e Duda Beat

Nesta manhã, o produtor e compositor Evandro Fióti, irmão de Emicida, afirmou que dará início a um processo por plágio. “Sabe apropriação e tudo aquilo que a gente discursa sobre ética? Então, esse mercado tem bem pouco. Sem criticar as artistas que, inclusive, admiro. Mas nosso jurídico vai trabalhar”, escreveu no Twitter.

Plágio? Manu Gavassi revela estar triste com clipe de Juliette; ENTENDA

“A gente levou 12 anos para ganhar um Grammy e esse trabalho acabou de ser roubado conceitualmente”, sustentou. Ainda na transmissão, ele contou que o projeto de Juliette e Duda Beat faz parte da estratégia de "reposicionamento de uma marca”.

Ele ainda afirmou que a empresa negociou anteriormente com a equipe de Emicida, mas não tinham chegado em um acordo no cronograma e prazo. “Tanto por questões financeiras também, porque a verba que eles tinham não justificava com a entrega que a gente tinha que fazer”, declarou. Publicações repostadas pelo produtor indicam que a empresa seria a Bauducco. (Com Beatriz Teixeira)

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

vida e arte plágio juliette duda beat emicida amarelo campanha publicitaria bauducco

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar