Participamos do

Tapa de Will Smith: Oscar estuda consequências; entenda tudo sobre a briga

Apresentador Chris Rock falou sobre atriz Jada Pinkett e piada foi mal recebida pelo marido Will Smith, que deu um tapa no comediante; entenda tudo sobre a briga
20:07 | Mar. 28, 2022
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas iniciou hoje, 28, uma revisão formal da agressão ocorrida durante a cerimônia de premiação do Oscar 2022, na qual o ator Will Smith deu um tapa no comediante Chris Rock no Teatro Dolby, em Los Angeles, nos Estados Unidos (EUA).

Smith agrediu Rock após o comediante fazer uma piada sobre a perda de cabelo da esposa do ator, Jada Pinkett Smith, deixando a audiência atônita.

"A Academia condena as ações do Sr. Smith no evento de ontem à noite", declarou a entidade em um comunicado enviado à AFP. "Iniciamos oficialmente uma revisão formal do incidente e estudaremos outras ações e consequências de acordo com nossos estatutos de conduta e a lei da Califórnia". Entenda abaixo tudo sobre a briga.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O tapa de Will Smith no Oscar 2022

Durante o 94º Oscar, um momento deixou o público confuso e o clima no evento notadamente pesado. Quando o comediante Chris Rock foi anunciar o prêmio de Melhor Documentário, ele fez um comentário sobre a atriz Jada Pinkett Smith que foi mal recebido pelo marido dela, Will Smith. O ator se levantou da cadeira, foi até Chris e o estapeou. Retornando ao assento, gritou duas vezes: "Tire o nome da minha mulher da sua boca!". Assista ao vídeo:

Piada de Chris Rock: o que o apresentador falou? 

O comentário de Chris Rock, que tentou ser uma piada, foi sobre a careca de Jada. Na fala do comediante, ele fez referência à possível presença dela numa suposta continuação do filme "Até o Limite da Honra" (1997), no qual Demi Moore apareceu sem cabelos.

Jada vem, desde o final do ano passado, compartilhando com seguidores sobre seu diagnóstico de alopecia areata, uma doença autoimune que causou perda de pelos e cabelos na atriz.

Oscar 2022: tapa de Will Smith em Chris Rock foi real?

Na transmissão ao vivo, não foi possível entender se o momento era uma cena ensaiada ou uma reação espontânea de Will Smith. Após o tapa, Chris Rock continuou a apresentação da categoria.

As reações captadas pelas câmeras, porém, reforçaram que a briga entre os dois foi genuína. Lupita Nyong'o, que estava perto do casal Smith, foi filmada em choque, por exemplo.

Até a entrada do rapper e ator Sean Diddy Combs no palco, para apresentar um segmento em homenagem à trilogia de "O Poderoso Chefão", o assunto não havia sido abordado no palco. Ao discursar, Combs fez menção ao acontecido e tentou distensionar o teatro: "Will e Chris, nós vamos resolver isso como uma família".

Will Smith pode perder o Oscar?

Will Smith chegou a ganhar uma estatueta na categoria de Melhor Ator por sua perfomance em "King Richard: Criando Campeãs", mas especialistas da indústria cinematográfica disseram ao The New York Post que Smith corre risco de perder o prêmio após o episódio de agressão.

De acordo com as fontes, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas tem um código de conduta extremamente rígido para convidados e premiados, lançado em 2017 após os escândalos de abuso sexual na indústria. “Além de alcançar a excelência no campo das artes e ciências cinematográficas, os membros também devem se comportar de forma ética, defendendo os valores da Academia de respeito à dignidade humana, inclusão e um ambiente de apoio que promova a criatividade", disse na época a CEO da AMPAS, Dawn Hudson, à Variety.

Oscar 2022: o discurso de Will Smith após a briga

Após vencer a categoria de "Melhor Ator", Will Smith aproveitou o discurso para se desculpar. "Quero pedir desculpas a Academia. Eu quero pedir desculpas aos meus colegas indicados", disse. "A arte imita a vida. Eu pareço o pai maluco, assim como Richard Williams. Mas o amor vai fazer você fazer coisas malucas.", declarou. "Obrigado. Espero que a Academia me convide de volta", falou ao encerrar o discurso.

A Academia chegou a se pronunciar sobre o caso no Twitter: "A Academia não tolera violência de qualquer forma. Hoje à noite, tivemos o prazer de celebrar os vencedores do 94º Oscar, que merecem este momento de reconhecimento de seus colegas e amantes do cinema em todo o mundo".

Reação de Will Smith no Oscar 2022 se divide entre críticas e apoios

A condenação mais forte veio do ator e diretor americano Judd Apatow em um tuíte que depois deletou, mas foi replicado pela atriz Mia Farrow: Will Smith "poderia tê-lo matado. Ele simplesmente perdeu o controle de sua raiva e violência (...) perdeu a cabeça."

Mia Farrow, no entanto, defendeu o comediante Chris Rock. "Ele apenas fez uma piada, como ele sabe fazer", disse ele. O jogador de basquete do Golden State Warriors, Stephen Curry, disse nesta segunda-feira que "ainda estava em choque como todos os outros". Curry prestou homenagem ao ator Denzel Washington que, domingo à noite durante a cerimônia, confortou Will Smith dizendo: "Nos seus momentos mais intensos, cuidado, é aí que o diabo vem!"

Para a escritora britânica Bernardine Evaristo, cujo pai é nigeriano, Smith desperdiçou a chance de dar o exemplo, especialmente para os afro-americanos. "Smith é apenas o quinto negro a ganhar o Oscar de Melhor Ator, ele recorre à violência em vez de usar o poder das palavras para derrotar Chris Rock", tuitou.

 

Mas Smith também recebeu apoio. Liam Payne, ex-cantor do One Direction, disse a repórteres: "Acho que ele tinha o direito de fazer o que fez". A deputada democrata Ayanna Pressley, que tem queda de cabelo, agradeceu a Smith.

"Parabéns a todos os maridos que defendem suas esposas que sofrem de alopecia da ignorância e dos insultos cotidianos", tuitou Pressley, depois deletando a mensagem.

O deputado democrata Jamaal Bowman também recorreu ao Twitter e depois apagou o texto: "Uma lição a aprender: não brinque com o cabelo de uma mulher negra".

Do elenco da série Um Maluco no Pedaço, a atriz Janet Hubert defendeu Will Smith após a treta que rolou nesse domingo, 27, durante a cerimônia do Oscar 2022. Além de parabenizar o ator por ter ganhado o prêmio, Jane Hubert utilizou suas redes sociais para prestar apoio ao protagonista de Um Maluco no Pedaço.

Em seu Instagram, a atriz disse estar orgulhosa da atitude de Will. “Estou tão orgulhosa de você! Sim, cada um tem o seu limite… E, às vezes, você tem que dar um tapa de volta. Comemore a vitória, nada mais importa. Ambas as ações estavam incorretas, mas Chris [Rock] não precisava ‘apelar’. Encontrei-o uma vez e foi o suficiente para mim… Ele foi muito mesquinho".

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Leia Mais.

Aceitar