Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Brasil é o 3º país do mundo que mais consumiu doramas na pandemia

Os seriados asiáticos conquistaram os brasileiros e o Vida&Arte apresenta o que está por trás do sucesso
16:03 | Ago. 10, 2021
Autor - Ana Flávia Marques
Foto do autor
- Ana Flávia Marques Autor
Tipo Noticia

Através do K-pop, a cultura sul-coreana tem dominado a música. BTS, Black Pink, EXO, são apenas alguns dos grupos que acumulam milhões de visualizações em seus vídeos no YouTube, além de uma legião de fãs que os acompanham. Além da música, outro sucesso do continente asiático são os doramasproduções audiovisuais de drama.

"Dorama" faz referência à pronúncia da palavra "drama" em japonês. O tipo de produção não pertence a um país específico, mas há uma grande produção dessas séries na Coreia do Sul, Japão, China e Tailândia. O fato é que a fama dos doramas já ultrapassou o continente asiático e tem crescido cada vez mais no Brasil.

É o que mostra a pesquisa do Ministério da Cultura, Esportes e Turismo, realizada em 18 países pela Fundação Coreana para Intercâmbio Cultural Internacional, entre setembro e novembro de 2020. O estudo revela que o Brasil é o terceiro lugar no mundo e o primeiro nas Américas onde houve maior aumento de audiência dos doramas coreanos.

Em primeiro lugar ficou a Malásia e em segundo a Tailândia. Depois do Brasil, os Emirados Árabes Unidos e Taiwan ocupam o quarto e quinto lugar respectivamente. Ao todo, foram entrevistados 8,5 mil homens e mulheres de 15 a 59 anos que moram nos seguintes países: China, Japão, Taiwan, Tailândia, Indonésia, Malásia, Índia e Vietnã, Austrália, EUA, Brasil, Argentina, França, Reino Unido, Rússia, Turquia, Emirados Árabes Unidos e África do Sul.

O que está por trás do sucesso?

Nos anos 1990, a hallyu ou "onda coreana" passou a difundir a cultura coreana ao redor do mundo. Para gerar mais riqueza no país, o governo coreano passou a investir nos doramas, gerando mais empregos, principalmente para o meio artístico, além de atrair turistas para o país.

Outro fator importante é o amplo acesso à internet e o surgimento de serviços de streaming, possibilitando maior globalização das produções cinematográficas, séries e outros conteúdos televisivos. Neste ano, a Netflix investiu mais de 600 milhões de dólares em obras coreanas e agora as produções são exibidas frequentemente em suas redes sociais.

A diferença cultural também chama atenção e revela detalhes que geram curiosidade no público. "Os k-dramas expressam muito bem as emoções humanas. As pessoas simpatizam com as emoções dos personagens. Independentemente da diferença cultural e da barreira do idioma, as pessoas podem sentir o que os personagens sentem. K-dramas capturam pequenos momentos que representam verdadeiras histórias de vida. Às vezes, não é fácil para as pessoas falarem com o coração, mas k-dramas fazem isso por você", disse o coreano Jimmy Park, formado em História e Literatura Coreana, em entrevista ao OPOVO em maio.

Por outro lado, o clichê também é relevante para o sucesso das produções. O estudo revela que entre os gêneros mais consumidos nos doramas estão a comédia romântica, séries estreladas por idols (termo que se refere a membros de grupos K-pop) e fantasia. No geral, as mulheres são as que mais consomem romances, independente do formato, o que ajuda na hora de atrair o público feminino para os romances coreanos, resultando na informação revelada na pesquisa de que 85% do público consumidor é feminino.

Katherine Laura Leighton se rendeu aos doramas desde 2018 e é autora dos romances "Um Coreano em Minha Vida", "Todas as Vidas de um Coração" e "Guardado em Mim". A escritora revela o que chama atenção nos seriados. "O 'cômico' se faz presente em todos os gêneros dramáticos das produções coreanas, até mesmo em séries de ação, aventura e alguns suspenses. A doçura e a gentileza que, por aqui parecemos ter esquecido, são amplamente demonstrados nesse tipo de série, em especial nas coreanas. Gestos que conquistam, principalmente, o público feminino de todas as idades", acredita. "Conteúdos leves e/ou cheios de magia são perfeitos para relaxar, além de nos transportarem para outro mundo bem longe da realidade pesada do nosso dia a dia".

Doramas mais assistidos:

O site de streaming Rakuten Viki revela quais são os 10 doramas da plataforma mais assistidos no Brasil, nos últimos seis meses:

1. Beleza Verdadeira (Sul-coreano)

2. O que há de errado com a secretária Kim? (Sul-coreano)

3. Descendentes do Sol (Sul-coreano)

4. Minha Pequena Felicidade (Chinês)

5. W (Sul-coreano)

6. O Conto da Raposa de Nove Caudas (Sul-coreano)

7. Você é meu Herói (Chinês)

8. Vai, cara de Luna! (Chinês)

9. Mulher Forte, do Bong-Soon (Sul-coreano)

10. Goblin (Sul-coreano)

Podcast Vida&Arte
O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags