Participamos do

Roberto Pessoa minimiza candidatura de Ciro e destaca crescimento de Moro

O prefeito tucano disse acreditar na viabilidade de formação de uma candidatura de "terceira via" para 2022 e no eventual sucesso de Sergio Moro a ocupar a posição
01:38 | Nov. 24, 2021
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter de Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB), minimizou, nesta terça-feira, 23, um eventual sucesso da candidatura do ex-ministro Ciro Gomes (PDT) à Presidência da República em 2022. Em entrevista ao Jogo Político, o tucano disse acreditar na formação de uma terceira via e cogitou uma possível liderança do ex-juiz Sergio Moro (Podemos) para ocupar o posto. Ele foi entrevistado pelo programa Jogo Político.

"A terceira via vai se viabilizar, porque a rejeição do Lula é grande e a do Bolsonaro é maior ainda, então quando chegar perto das eleições vai se encontrar um caminho da terceira via, e quem sabe seja Moro. até porque ela já atingiu segundo a pesquisa Paraná 11%, o famoso dois dígitos, onde os estatísticos mostram que quem chega neles tem a chance de disputar o segundo turno", disse o prefeito.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Opositor de Ciro no Ceará, Pessoa considerou que o pedetista "tá caindo que só" nas pesquisas de intenção de voto. " tá só com 5 pontos, tá caindo que só (...) Acho que a função dele como candidato é essa, conseguir 3% ou 4% a mais nos votos do candidato a governador que o PDT vai votar aqui no Ceará, eu acho que essa é a estratégia. É muito pouca a chance, ainda mais aparecendo as terceiras vias, como o Moro, que apareceu com uma força muito grande", disse. 

Levantamento Paraná Pesquisas de intenção de votos divulgado nesta segunda-feira, 23, indica Sergio Moro ocupando a terceira posição, com 10,7%. No primeiro cenário avaliado, Ciro aparece em quarto lugar, com 6,1% das intenções de voto. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), marca 3,1%. Luiz Henrique Mandetta (DEM) aparece com 1,2%.

Mais notícias de Política

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags