PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Uber lança função para gravação de áudio em viagens; ferramenta está disponível em Fortaleza

Privacidade do usuário é garantida pela empresa, que promete utilizar os áudios gravados somente em caso de incidentes de segurança

Leonardo Maia
11:18 | 11/09/2020
Durante a pandemia, a empresa criou um fundo de R$ 50 milhões para investir na segurança e apoio à comunidade. (Foto: Victor Xok/Unsplash)
Durante a pandemia, a empresa criou um fundo de R$ 50 milhões para investir na segurança e apoio à comunidade. (Foto: Victor Xok/Unsplash)

A Uber lançou nova ferramenta que permite que usuários gravem o áudio de uma viagem caso se sintam inseguros. Chamado de U-Áudio, a função criptografada não pode ser ouvida por motoristas ou passageiros e é enviada à empresa para que ela entenda melhor o que aconteceu durante o serviço.

Para gravar um áudio, toque no escudo no mapa e depois em "Iniciar", que fica ao lado de "Gravar áudio". A Uber garante que a privacidade do usuário é respeitada com a nova função e a empresa só terá acesso ao conteúdo do registro caso o passageiro opte por enviar ao aplicativo. Caso necessário, o registro ainda pode ser enviado para autoridades competentes.

O recurso já está disponível em Fortaleza e pode ser obtido por meio de atualização do aplicativo. A gravação fica armazenada no aplicativo da Uber por sete dias, mas não pode ser acessada através do gerenciador de arquivos. É possível ainda excluir a gravação do seu histórico de viagens. Arquivos entre cinco e sete minutos consomem cerca de 1 MB de espaço.

Leia mais | Levantamento: 28 motoristas de aplicativo foram assassinados no Ceará desde 2017, informa associação

A empresa alerta ainda que funções do celular que usem o microfone do aparelho interrompem a gravação, como uma ligação ou um áudio no WhatsApp, assim como em outras redes sociais. Após iniciada, a gravação continua ainda que o aplicativo da Uber rode em segundo plano ou a tela do celular seja bloqueada.

Em evento no fim do ano passado, a empresa anunciou um pacote de novidades para tornar as viagens mais seguras. Entre elas, foram anunciados o Doc Scan, que exige que o usuário cadastre um documento de identificação no aplicativo, e a Selfie com Movimento, pensada para evitar fraudes de motoristas.

Pandemia

 

De acordo com a Uber, durante a crise de saúde decorrente do novo coronavírus, a empresa criou um fundo para investir em medidas de segurança e apoio à comunidade — são R$ 50 milhões, sendo R$ 11 milhões em assistência financeira para os parceiros, R$ 8 milhões em reembolso de máscaras e álcool em gel, entre outras iniciativas voltadas para a comunidade. Por meio de centros de higienização instalados em nove cidades, foram higienizados mais de 60 mil carros e mochilas de entrega de comida.

Leia também | Em Fortaleza, Uber lança ferramenta para identificar paradas inesperadas ou longas

Motoristas mulheres da Uber vão poder transportar apenas passageiras a partir de novembro

Em conferência no dia 3 deste mês, a companhia ainda disse que segue implementando outras medidas de segurança, como a identificação de mudanças em rotas ou paradas inesperadas durante a viagem. “Temos um centro de desenvolvimento no Brasil focado em segurança. A tecnologia é um fator crucial para o desenvolvimento de medidas escaláveis e permite enfrentar a violência urbana”, afirmou em nota Marcello Azambuja, diretor do Tech Center da Uber no Brasil.