Participamos do

A diferença entre Maurício Souza e Mauricio de Sousa não é apenas o Z e o S

O quadrinista Mauricio de Sousa e o jogador de vôlei Maurício Souza foram batizados com o mesmo nome, mas têm posições distintas sobre os direitos LGBTQIA+
22:42 | Out. 28, 2021
Autor Jornal do Commercio
Foto do autor
Jornal do Commercio Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Com o nome e sobrenome escritos quase da mesma forma, o quadrinista Mauricio de Sousa, 86 anos, e o jogador de vôlei Maurício Souza, 33, admitiram posições bem distintas sobre os direitos LGBTQIA+ nos últimos dias. Enquanto o primeiro prepara o primeiro personagem gay da Turma da Mônica, o segundo foi demitido do Minas Clube nesta quarta-feira (27) após publicar ofensas homofóbicas nas redes sociais.

Desde a terça-feira (26), Maurício havia sido afastado do Minas Tênis Clube por causa pressão de patrocinadores do time provocada por uma série de declarações homofóbicas em suas redes sociais. Ele foi multado e orientado a se retratar. De noite, fez uma retratação no Twitter, mas de forma tímida e sem muito impacto nos 50 seguidores que tinha na rede.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Na quarta (27), o clube de Minas Gerais decidiu rescindir o contrato. Em um comunicado simples, o Minas informou a saída do atleta. "O Minas Tênis Clube informa que o atleta Maurício Souza não é mais jogador do Clube", disse no Twitter.

Entenda

O caso viralizou nas redes sociais após Maurício Souza criticar a editora DC Comics por ter anunciado que o personagem Super-Homem vai se descobrir bissexual em uma nova história em quadrinhos. O atleta escreveu: “Ah, é só um desenho, não é nada demais... Vai nessa que vai ver onde vamos parar...”.

Maurício Souza atuou ao lado de Douglas Souza nas Olimpíadas de Tóquio pela Seleção Brasileira de Vôlei. O jogador, declaradamente homossexual e defensor dos direitos LGBTQIA+, comemorou a demissão. “Não dá para em pleno 2021 as pessoas acharem que liberdade de expressão é você ser homofóbico”, disse Douglas.

Mauricio de Sousa na contramão

Já o quadrinista Maurício de Sousa tem um posicionamento contrário. Em entrevista à BBC News, ele relatou os planos para o primeiro personagem gay da Turma da Mônica. "Vem vindo aí… Estou esperando um pouquinho que esteja cada vez mais aceita a posição do gay, principalmente. Eu tenho um filho, bem, que se assume [homossexual] e eu adoro meu filho [Mauro Sousa, diretor de espetáculos, parques e eventos da Mauricio de Sousa Produções]", disse ao site.

"Estamos discutindo isso, sim. Estamos discutindo com os roteiristas, com o Mauro, com o pessoal próximo da gente aí para que haja um personagem positivo. Em todos os sentidos", acrescentou.

Mauricio fez aniversário nesta quarta-feira (27), completando 86 anos, e explicou que os primeiros personagens da franquia em quadrinhos mais famosa do Brasil foram decorrentes da sua infância.

"Não veio de qualquer maneira, não. Chegou um dia em que eu me dei conta que eu fazia histórias baseadas na minha infância, e na minha infância havia diversos garotos, moleques que jogavam bola comigo e que tinham algum tipo de deficiência. A gente brincava e brigava do mesmo jeito. Estava faltando na minha história esse lado que eu vivi e que estava esquecendo", afirmou à BBC.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags