Participamos do

Marcelo Boeck renova contrato com o Fortaleza até o fim de 2022

Neste sábado, 8, o clube oficializou a permanência do experiente arqueiro de 37 anos para a próxima temporada
11:25 | Jan. 08, 2022
Autor Lucas Mota
Foto do autor
Lucas Mota Repórter na editoria de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O goleiro Marcelo Boeck acertou a renovação de contrato com o Fortaleza até o fim de 2022. O Esportes O POVO já havia adiantado sobre as conversas avançadas entre diretoria e jogador. Neste sábado, 8, o clube oficializou a permanência do experiente arqueiro de 37 anos para a próxima temporada, quando o Leão disputará a Libertadores, além da Série A, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Campeonato Cearense.

Desde 2017 no Pici, Boeck conquistou status de ídolo após se tornar um dos protagonistas da retomada do clube até a Série A. No primeiro ano vestindo a camisa do Leão, ele peça-chave no acesso da Série C. Na temporada seguinte, como líder e capitão do Tricolor, ele levantou a taça da Série B.

Em 2019, a partir da chegada de Felipe Alves, Boeck perdeu espaço. Foi titular no primeiro semestre, na campanha da conquista da Copa do Nordeste, e depois se tornou reserva imediato.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em 2020, porém, o arqueiro gaúcho atuou apenas uma vez, virou terceira opção e chegou a ficar fora até das relações para os jogos durante alguns meses. A saída de Rogério Ceni mudou a situação do jogador, que teve o contrato estendido por mais uma temporada e voltou a atuar com maior frequência na última temporada.

Marcelo Boeck teve as primeiras chances com Enderson Moreira e ganhou vez com Juan Pablo Vojvoda pela lesão de Felipe Alves, em julho do ano passado. O camisa 12 se recuperou e voltou, mas falhou na derrota por 3 a 1 para o Ceará, o que deu brecha para o retorno de Boeck. O gaúcho também cometeu erros na meta, viu Felipe Alves ser preterido outra vez após reassumir a vaga e se firmou na posição até o final - disputou 19 jogos na Série A.

"Ídolos não se fazem da noite para o dia, eles são muito importantes dentro de um clube de futebol que a gente proporciona, aos torcedores, emoções. Boeck tem história no clube, tem conquistas, tem protagonismo, mas ele está tendo seu contrato renovado não pelo que ele fez, mas pelo que ele ainda pode fazer", afirmou o presidente do Leão, Marcelo Paz.

Para 2022, o Fortaleza trouxe mais um goleiro: Fernando Miguel, destaque do Atlético-GO em 2021 que chega para ser titular no começo da temporada. Além dele e de Boeck, o clube possui contrato com Felipe Alves até o fim de 2023.

A liderança no grupo de jogadores, a representatividade no clube - interna e externamente - e a trajetória do ídolo da Série C à Libertadores pesaram a favor da decisão da diretoria, que também levou em conta a avaliação do técnico Juan Pablo Vojvoda. O camisa 1 soma três títulos do Campeonato Cearense (2019, 2020 e 2021), um da Copa do Nordeste (2019) e um da Série B (2018).

"Nós acreditamos que neste ano ele vai ser muito importante, um ano de cinco competições, um ano de Libertadores, um ano de altas expectativas. Nós precisamos ter, no elenco, um atleta com qualidade técnica, com identificação com o clube, com liderança no vestiário, com conduta adequada e a gente está feliz com essa renovação dele. Que ele possa seguir esse cíclo vitorioso fazendo mais história ainda no Fortaleza", avaliou Marcelo Paz.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags