Participamos do

Presidente do Ceará promete protestar na CBF contra árbitro do jogo contra Palmeiras

Robinson de Castro reclama da atuação de Caio Max Augusto Vieira na vitória do Vovô sobre o Palmeiras e fará reclamação à entidade. Alvinegro recebeu dez cartões amarelos e teve Vina expulso
10:53 | Abr. 10, 2022
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Apesar da histórica vitória por 3 a 2 sobre o Palmeiras-SP, na noite do último domingo, 9, pela estreia da Série A 2022, o Ceará deixou o Allianz Parque na bronca. Insatisfeito com a atuação da arbitragem, o clube de Porangabuçu irá apresentar reclamação formal à Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), agora comandada por Wilson Seneme.

"Apesar da vitória do Ceará quero registrar que a arbitragem nos prejudicou muito. Não é só quando perde que temos que criticar a arbitragem. Iremos representar junto à comissão de arbitragem da CBF", garantiu o presidente Robinson de Castro nas redes sociais.

O desempenho atribulado do árbitro potiguar Caio Max Augusto Vieira envolveu um total de 15 cartões amarelos na partida, um cartão vermelho, alguns episódios de confusão entre os bancos de reservas das equipes e um lance de possível pênalti a favor do Vovô, que gerou reclamação da equipe cearense e não foi revisado pelo juiz no monitor do VAR.

Das advertências distribuídas por Caio Max, dez foram para o Alvinegro: Richard, Vina, Mendoza, Erick, Luiz Otávio, Geovane, Nino Paraíba, Rodrigo Lindoso e Iury Castilho, além do técnico Dorival Júnior.

Já nos acréscimos, Vina ainda foi expulso por "segurar seu adversário de maneira acintosa, mostrando desrespeito ao jogo", de acordo com a súmula. Segundo o documento, o camisa 29 deixou o gramado sob protesto: "Isso é uma vergonha, respeitem o Ceará".

Desde a última quinta-feira, 7, a Comissão de Arbitragem da CBF está sob chefia do ex-árbitro paulista Wilson Seneme, que chefiou a arbitragem da Conmebol nos últimos seis anos.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar