PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

CBF divulga arbitragem da final da Copa do Nordeste

Jogos entre Ceará e Bahia serão disputados neste sábado, 1°, às 16 horas e na próxima terça-feira, 4, às 21h30min, ambos no estádio Pituaçu, em Salvador, na Bahia

Iara Costa
17:38 | 30/07/2020
Caio Max Augusto, do Rio Grande do Norte, apita jogo de volta da final da Copa do Nordeste (Foto: Divulgação)
Caio Max Augusto, do Rio Grande do Norte, apita jogo de volta da final da Copa do Nordeste (Foto: Divulgação)

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou nesta quinta-feira, 30, a arbitragem escalada para a final da Copa do Nordeste. O jogo de ida, que ocorre neste sábado, 1°, às 16 horas, terá o comando arbitral de Wagner Reway (PB). Já o jogo de volta, marcado para a próxima terça, 4, às 21h30min, ficará sob responsabilidade de Caio Max (RN). Ambas as partidas serão realizadas no estádio Pituaçu, em Salvador, na Bahia. 

Responsável pela arbitragem do primeiro jogo da final, Wagner Reway (PB) apitou, nesta edição do certame, o empate em 0 a 0 entre Bahia e Santa Cruz e a vitória do Ceará sob o CRB-AL por 2 a 1, além da vitória do Náutico sob o Sport por  2 a 0. Ele terá Oberto da Silva Santos (PB) e Kildenn Tadeu Morais de Lucena (PB) como árbitros assistentes . A quarta arbitragem vai estar sob a responsabilidade de Rafael Carlos (AL) e o VAR terá o comando de Gilberto Rodrigues (PE).

LEIA TAMBÉM: Investimento e foco: saiba mais sobre o Bahia que enfrenta o Ceará na final da Copa do Nordeste

Já o duelo de volta terá como árbitro Caio Max (RN). Nesta edição do torneio regional ele esteve no comando arbitral da vitória do Bahia sob o Confiança-SE por 1 a 0 na sexta rodada do torneio e também na vitória do Ceará sob o Fortaleza por 1 a 0 na última terça-feria, 28. Na primeira fase do torneio chegou a apitar o empate em 1 a 1 entre CRB e CSA. Os árbitros assistentes serão Jean Marcio dos Santos (RN) e Flavio Gomes Barroa (RN). A quarta arbitragem será feita pela árbitra da FIFA, Thayslane de Melo Costa (SE). O árbitro de vídeo ficará sob responsabilidade de Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN). 

LEIA TAMBÉM: Ceará poderá ser bicampeão invicto da Copa do Nordeste; relembre trajetória