PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Ceará bate CRB por 2 a 1 no Barradão e confirma classificação para as quartas de final do Nordestão

Vovô terminou como vice-líder do Grupo B e agora encara o Vitória-BA na próxima fase do torneio

Brenno Rebouças
21:56 | 22/07/2020
Com gols de Vinicius Vina e Bergson, o Ceará venceu o CRB-AL por 2 a 1 em partida válida pela Copa do Nordeste (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)
Com gols de Vinicius Vina e Bergson, o Ceará venceu o CRB-AL por 2 a 1 em partida válida pela Copa do Nordeste (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)

Sem muita dificuldade, o Ceará bateu o CRB-AL por 2 a 1 no Barradão, na noite desta quarta-feira, 22, e confirmou classificação para as quartas de final da Copa do Nordeste. O Vovô terminou na segunda posição do Grupo B e enfrenta o Vitória-BA, terceiro colocado, no jogo único da próxima fase.

Leia também | Ceará e Fortaleza conhecem adversários das quartas de final da Copa do Nordeste; confira

Os gols do Alvinegro foram marcados por Vina e Bergson. O primeiro cobrou pênalti, aos 42 minutos do primeiro tempo e converteu. O segundo bateu rasteiro, após receber passe de Lima, na grande área, aos 36 da segunda etapa. Bergson e Lima tinham entrado na partida pouco tempo antes.

O CRB diminuiu com gol de João Carlos, no último lance, aproveitando cruzamento na pequena área. Ele se antecipou a Fernando Prass e desviou para a rede.

O Vovô poderia ter tido um placar até maior, se Ricardinho não tivesse desperdiçado penalidade, aos 30 do primeiro tempo. Ele bateu rasteiro no canto direito e Victor Souza defendeu.

O Ceará volta a campo sábado, pelas quartas de final e precisa vencer o Vitória-BA para seguir em frente no Nordestão. Um empate leva a decisão para os pênaltis.

O Jogo

O Ceará começou com o estreante Cléber na vaga de Sobis, que cumpria suspensão automática, e viu qualidades, apesar de ter faltado um pouco de ousadia ao centroavante ex-Barbalha.

Cléber fez tabela como pivô, acertou cabeçadas, mostrou presença de área e até conseguiu uma penalidade, que Ricardinho desperdiçou. Era a quarta penalidade a favor do Vovô no Nordestão e o time perdeu a terceira. Vina teve outra chance mais tarde e converteu, abrindo o placar, mas o lance que originou a cobrança foi duvidoso.

Depois de uma defesa de Victor Souza, em chute de Cléber, Rick e Lucas Mendes foram buscar a sobra ainda na grande área e o atacante alvinegro chegou primeiro. O lateral regatiano deu carrinho e, aparentemente, acertou primeiro a bola, mas o árbitro entendeu pênalti.

O placar de 1 a 0 foi magro para o primeiro tempo, pois além das duas penalidades, o Ceará teve uma chance claras com Sobral, no primeiro minuto, ao aproveitar bobeada do zagueiro Ewerton Páscoa na saída, tomar a bola, invadir a área e chutar para a defesa do goleiro e depois com Rick, aos 34, penetrando na grande área e pegando mal na hora do arremate. Ricardinho também obrigou Victor Souza a fazer boa defesa em chute de longe, aos 30.

As oportunidades do CRB na primeira etapa foram apenas um chute de Luidy, da intermediária, que passou perto do gol e uma chegada de Léo Gamalho, após cobrança de escanteio e um desencontro da defesa do Ceará na grande área. Mesmo assim, o time potiguar não chegou a ser totalmente dominado. O Vovô até começou com marcação bem alta e toque de bola envolvente, mas logo o jogo ganhou contorno de equilíbrio.

O segundo tempo foi morno. Do primeiro aos trigésimo minuto, apenas dois lances levaram perigo. Uma antecipação de Rick em uma virada de jogo do CRB, em que o atacante alvinegro tomou a bola e bateu da entrada da área para fora. E uma falta fechada, cobrada por Ricardinho, que o goleiro tirou de soco. O CRB só reagiu aos 32, com uma pancada de Bill, de longe, que terminou com defesa espalhafatosa de Prass.

Guto Ferreira resolveu lançar Lima e Bergson a campo. O primeiro recebeu bola na grande área, livre de marcação, logo de cara e finalizou (com defesa do goleiro), mas o assistente marcou impedimento que não existia. Pouco tempo depois, o ponta deu uma de garçom e lançou Bergson na grande área, cara a cara com Victor Souza. O atacante bateu rasteiro e ampliou o placar.

O jogo parecia definido. A preocupação dos torcedores alvinegros, a esta altura, era saber o adversário das quartas de final. Por um momento foi o Santa Cruz, mas com um gol do Confiança, voltou a ser o Vitória.

No último lance da partida, uma escapada do time regatiano e João Carlos recebeu passe na pequena área. Ele se antecipou ao goleiro Prass e desviou para a rede. O tento, no entanto, não mudava em nada a situação dos dois clubes. Enquanto o Ceará segue em Salvador e já tem data para o próximo jogo, o CRB encerra a excursão à Bahia precocemente.

Classificação - Copa do Nordeste

Copa do Nordeste - Fases eliminatórias

https://www.opovo.com.br/esportes/futebol/times/cearenses/2020/07/22/ceara-e-fortaleza-conhecem-adversarios-das-quartas-de-final-da-copa-do-nordeste--confira.html