PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Enquete BBB 21: quem deve ganhar a prova do anjo nesta 5ª semana do reality?

Disputa no BBB 21 acontecerá nesta sexta-feira, 26, e terá mudanças na dinâmica em relação a outras semanas; vote na enquete do O POVO em quem você acha que deve ganhar a prova do anjo

20:05 | 25/02/2021
Caio foi o vencedor da prova do anjo do BBB 21 na última semana; foi a segunda vez seguida que o brother ganhou a disputa (Foto: Reprodução/GShow)
Caio foi o vencedor da prova do anjo do BBB 21 na última semana; foi a segunda vez seguida que o brother ganhou a disputa (Foto: Reprodução/GShow)

A quinta prova do anjo do Big Brother Brasil 21 (BBB 21) acontecerá nesta sexta-feira, 26 de fevereiro (26/02). Com diferença em relação às outras semanas, quem vencer a disputa estará imune ao paredão, em vez de escolher outra pessoa para proteger.

O POVO quer saber: quem deve ganhar a prova do anjo nesta quinta semana do reality show da Globo? Vote na enquete abaixo e escolha seu participante favorito.

Enquete BBB 21: quem deve ganhar a prova do anjo desta semana?

BBB21: quem deve ganhar a prova do anjo?
Arthur
Caio
Camilla de Lucas
Carla Diaz
Fiuk
Gilberto
Joao Luiz
Juliette
Lumena
Pocah
Projota
Rodolffo
Sarah
Thais
Viih Tube
 


Esta enquete tem caráter meramente consultivo e não interfere no resultado final.

Formação do paredão do BBB 21 desta semana

Quem vencer a prova do anjo estará automaticamente imune. Já o paredão será inicialmente formado por cinco confinados: um indicado pelo líder, outro pela casa e mais três apontados - exceto líder e anjo - por quem atender o Big Fone, que tocará no sábado, 27. Por fim, duas pessoas serão salvas pela prova Bate e Volta e pelo indicado do líder.

MAIS SOBRE BBB

>> BBB 21: Karol Conká recupera seguidores no Instagram e iguala número que tinha antes de entrar no reality

>> João é o novo líder do BBB21; Pocah foi vetada por Sarah

>> BBB21: ‘Se quiser conversar, abaixa o tom’, diz Caio a Gilberto em discussão sobre estalecas

>> BBB 21: Globo se manifesta após fãs desconfiarem que intervalo comercial foi usado para beneficiar Karol Conká