Participamos do

Fortaleza vai começar a vacinar contra Covid-19 trabalhadores portuários e de transporte aéreo

Os grupos contemplados estão incluídos na quarta fase da campanha de imunização, que avança na Capital cearense há pouco mais de uma semana
19:51 | Mai. 31, 2021
Autor Gabriela Almeida
Foto do autor
Gabriela Almeida Repórter O POVO
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Fortaleza vai começar a vacinar contra Covid-19 os trabalhadores portuários e os profissionais que atuam em transporte aéreo nesta terça-feira, 1° de junho, segundo informações divulgadas pelo prefeito José Sarto (PDT), em publicação feita nas redes sociais. Os grupos contemplados estão incluídos na quarta fase da campanha de imunização, que teve inicio na capital cearense há pouco mais de uma semana.

Segundo o pedetista, na data o Município deve avançar ainda no "atendimento a profissionais da segurança". Contabilizando essa categoria mais os trabalhadores portuários e os profissionais que atuam em transporte aéreo, são ao todo 1,5 mil pessoas agendadas para receber aplicação nesta terça.

| LEIA MAIS |

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Comitê avalia cancelamento de termo para vacinação de professores nesta terça

Ceará tem 305 pessoas com Covid-19 na fila de espera por leitos; ocupação em UTIs é de 86,68%

Exigência de termo para vacinação de professores foi proposta por secretarias da Saúde, diz MPT

A Capital une esforços para avançar tanto a terceira quanto a quarta etapa da campanha de vacinação. De acordo com informações divulgadas anteriormente por Sarto, há uma meta estipulada de que, até a próxima semana, o Município comece a vacinar a população em geral, em ordem decrescente de idade.

Dados divulgados pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), por meio da plataforma Vacinômetro, colhidos até às 17 horas do domingo, 30, mostram que o Ceará tem 10,75% de sua população vacinada contra a doença. Foram 2,6 milhões de doses aplicadas em quatro meses de campanha no Estado.


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags