PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Escolas, bares e academias estão fora da 4ª Fase de retomada econômica em Fortaleza, anuncia Camilo Santana

De acordo com o governador, Comitê científico está preocupado com aglomerações e reavaliará o retorno das atividades em conjunto com os setores

Catalina Leite
09:27 | 15/07/2020
FORTALEZA, CE, BRASIL, 27-06-2020: Movimentação na Praia de iracema ainda com decreto de isolamento social. Em epoca de COVID-19. (Foto: Aurelio Alves/O POVO) (Foto: Aurelio Alves/ O POVO)
FORTALEZA, CE, BRASIL, 27-06-2020: Movimentação na Praia de iracema ainda com decreto de isolamento social. Em epoca de COVID-19. (Foto: Aurelio Alves/O POVO) (Foto: Aurelio Alves/ O POVO)

Escolas, bares, academias e atividades de entretenimento presenciais como shows, espetáculos e cinema estão fora da 4ª Fase do Plano de Retomada da Atividade Econômica em Fortaleza, adianta governador Camilo Santana (PT). Segundo o governador, há preocupação por parte do Comitê científico em relação às aglomerações, principalmente no retorno presencial das escolas. Ainda haverá avaliação se Fortaleza realmente entrará na quarta fase do Plano. 

“O que o Comitê [Estadual de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus] decidiu é com preocupação à vida. Vamos suspender essas atividades nessa 4ª Fase e vamos reavaliar [o retorno] a partir da próxima semana”, afirmou Camilo em entrevista ao Bom Dia CE. Ele ressaltou que o retorno presencial das escolas deve ser avaliado com cuidado especial, já que as crianças representam uma faixa etária majoritariamente assintomática à Covid-19. As informações foram dadas em entrevista na manhã desta quarta no jornal Bom Dia Ceará. 

LEIA TAMBÉM

| 43 crianças e adolescentes morreram por Covid-19 no Ceará, segundo plataforma IntegraSUS

| Bebê que morreu em Tamboril teve inflamação que pode afetar crianças após quadro assintomático da Covid-19

| OMS afirma que pessoas assintomáticas podem transmitir coronavírus

Camilo explicou que o Comitê irá se reunir com os setores deixados de fora da 4ª Fase para avaliar protocolos sanitários e fases de retomada. “[Vamos avaliar a possibilidade] de forma híbrida de retorno às aulas, sendo remota e presencial, e apresentar as expectativas para um calendário futuro. Isso será definido com diálogo e uma construção com os próprios segmentos, mas sempre orientado pelos nossos especialistas do Comitê”, reforça.

As escolas particulares cearenses já estavam se preparando para o retorno presencial, que até então estaria programado para o dia 20 de julho. As propostas envolviam o retorno gradual por anos escolares, em especial o Ensino Médio, por causa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem); e utilizando-se ao máximo do sistema híbrido de aulas.

LEIA TAMBÉM

| Defensoria propõe retorno conjunto nas escolas privadas e públicas

| Confira medidas previstas no protocolo de retorno das aulas presenciais em escolas particulares de Fortaleza

Apesar disso, Camilo adverte que a possível entrada de Fortaleza na 4ª Fase ainda será avaliada. O Comitê tem reunião marcada no final da semana, quando os dados epidemiológicos da Covid-19 representam melhor o avanço da pandemia na Capital e no Estado. De acordo com o governador, tanto os números de contágio, quanto os de atendimento (como taxa de ocupação de UTIs) têm caído.

No momento, a maior preocupação está na macrorregião do Cariri, onde Juazeiro do Norte enfrenta medidas rígidas de isolamento social. A região acumula 14.423 casos confirmados de Covid-19, além de 431 óbitos e 11.157 recuperados. Desse total, 4.337 estão confirmados em Juazeiro do Norte, assim como 159 óbitos e 3.828 recuperações. Os dados são da plataforma IntegraSUS, da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), e foram atualizados às 4h48min desta quarta-feira, 15.

LEIA TAMBÉM | Ceará passa dos 140 mil casos confirmados e 7 mil mortos por Covid-19