Participamos do

Viagem internacional: como se planejar e economizar?

É preciso planejamento para realizar uma viagem internacional: não basta ter a grana para gastar se o viajante não tiver passaporte e visto em mãos, vacinas específicas tomadas, dependendo do destino ao que se planeja ir etc; veja dicas de como se organizar e se planejar para uma viagem internacional
02:05 | Jan. 25, 2022
Autor Carolina Parente
Foto do autor
Carolina Parente Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Viajar para fora do Brasil não requer somente dinheiro, mas planejamento. Com calma, se a grana for curta, é possível traçar itinerários empolgantes sem gastar muito, colocando todas as despesas no papel. Certamente, o aspecto financeiro é importante, mas a organização para que tudo saia o mais próximo do planejado é essencial.  Afinal de contas, não basta ter a grana para gastar se o viajante não tiver passaporte e visto em mãos, vacinas específicas tomadas, dependendo do destino ao que se pretende ir, seguro viagem comprado e tantas outras coisas.

Além disso, mesmo em tempos de pandemia, nem todas as pessoas estão dispostas a adiar o sonho de conhecer um país diferente. Mas, para que isso ocorra da melhor maneira possível, é preciso estar atento às regras sanitárias do local almejado. Atualmente, mais de 100 países têm suas fronteiras abertas para brasileiros. Confira a lista atualizada.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Viagem Internacional: como se planejar?

Quem viaja pelo Brasil não precisa se preocupar com uma série de detalhes importantes para embarcar em aventuras internacionais. Por aqui, basta falar português para ser entendido, utilizar o RG ou a CNH para se identificar como cidadão, utilizar o mesmo cartão de crédito para fazer compras e o mesmo plano de saúde ao que se tem acesso em sua cidade de residência - sem falar do Sistema Único de Saúde (SUS) que pode salvar muitos na hora do aperto.

Mas o fato é que, em destinos internacionais, são muitos os fatores complicadores. Por isso, a organização e o planejamento são mais do que essenciais para que o passeio ocorra bem: são tantos os detalhes para providenciar que pensar nos prazos de execução do “plano viagem” é crucial, de modo que a pessoa tenha férias no momento do passeio, além de tempo para juntar dinheiro e obter documentos (como vistos) até o momento da decolagem.

Assim, deve-se decidir o destino, o orçamento disponível para a viagem, a melhor data para conhecer o local e se o passeio ocorrerá na alta ou na baixa temporada. Para isso, O POVO organizou um passo a passo para que você, sem saber por onde começar a planejar uma viagem internacional, possa realizar um ótimo passeio mesmo que não tenha experiência com o assunto. Veja em detalhes as orientações para fazer uma viagem internacional:

  • Determine o destino

  • Confira se o passaporte está válido

  • Confira se o país exige visto

  • Se necessário, retire o visto

  • Defina a data da viagem

  • Pesquise e compre as passagens aéreas

  • Defina a hospedagem e faça a reserva

  • Faça um seguro viagem

  • Confira as vacinas necessárias para entrar no país de destino

  • Calcule os custos da viagem e não passe perrengue

  • Pesquise sobre o clima do país e estação do ano

  • Caso viaje com crianças, coloque nelas pulseiras de identificação

Viagem internacional: arrumando a mala

  • 1 - Escolha a mala adequada ao tipo de viagem

A mala a ser escolhida depende essencialmente do tipo de viagem que o viajante se propõe a fazer. Uma viagem de duas semanas é diferente de um intercâmbio ou de um mochilão que dura meses a fio. Sabendo a intenção, escolha uma mala pequena, uma grande ou uma mochila de “backpacker”.

  • 2 - Escolha as roupas adequadas ao clima do local de destino

Selecione as roupas a serem utilizadas conforme o clima da região para onde se viaja. Não adiantaria nada preparar tudo e, no final, levar regata e chinela para o Himalaia, não é mesmo?

  • 3 - Selecione somente o necessário

Malas pesadas não são nada práticas! Ponha sobre a cama tudo o que você poderia levar ao local de destino e coloque na bagagem somente as coisas que você sabe que irá utilizar. Caso sobre espaço, coloque uma roupinha especial e um sapato legal para arrasar na gringa, ou então, ponha mesmo o que for de fato mais importante para você.

  • 4 - Identifique as bagagens com fitas e etiquetas

Em caso de perda das bagagens, é importante que as malas estejam adequadamente identificadas, de modo que possam ser devolvidas aos donos.

  • 5 - Tenha uma bagagem de mão!

Na bagagem de mão leve os documentos que precisa apresentar à alfândega do país de destino. Não esqueça de remédios, kit de higiene pessoal, carregador de celular e um bom livro para ler no avião. Além disso, se couber, lembre-se de colocar uma muda de roupa, pois, em caso de extravio da bagagem, você terá um conjunto de vestimentas limpas.

  • 6 - Coloque um adaptador universal de tomadas

As tomadas em cada lugar do mundo são diferentes e, vamos combinar, ninguém quer passar a viagem sem dar uma espiadinha no celular ou deixar de carregar a câmera para tirar fotos incríveis, não é mesmo?

  • 7 - Faça um checklist de tudo o que levará ao passeio

Com as malas prontas, tenha anotado tudo o que vai dentro das bagagens. Na volta, a lista lhe será útil para evitar perdas de objetos e documentos importantes.

 

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags