Participamos do

Conheça 5 exposições abertas para visitas virtuais no MAM Rio

As exposições "35 Revoluções: Irmãos Campana", "Realce", "Hélio Oiticica: a dança na minha experiência" e outras podem ser visitadas em formato 3D no site do MAM Rio
16:57 | Mai. 12, 2021
Autor Clara Menezes
Foto do autor
Clara Menezes Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

As exposições que foram abertas no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM Rio) em 2021 podem ser visitadas virtualmente no site da instituição. Os conteúdos oferecem um passeio 3D, acessível por várias plataformas, como tablet, computador e celular.

1. Multiartista

Um dos destaques é “Hélio Oiticica - A Dança da Minha Experiência”. O espaço apresenta a relação do artista plástico brasileiro com as várias linguagens artísticas. A dança, a música e a cultura popular foram grandes inspirações para o pintor em suas produções e em sua trajetória, no geral. A curadoria ficou sob responsabilidade de Adriano Pedrosa e Tomás Toledo, do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (Masp).

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Leia também | Mateus Fazeno Rock lança campanha de financiamento para segundo álbum

2. Brasil brasileiro

O lugar divide o ambiente com a obra “Bandeira Brasileira”, do figurinista e carnavalesco Leandro Vieira. O conteúdo foi idealizado para a escola de samba carioca Mangueira em 2019 e permanece no MAM enquanto o Carnaval está suspenso por causa das medidas de isolamento social.

A arte transforma os significados da bandeira. A frase “ordem e progresso”, por exemplo, é substituída por “índios, negros e pobres”. Já as cores tradicionais foram trocadas para rosa, branco e verde.

Leia também | Biografia, filme e curso reavivam mito de Belchior

3. Hélio e Neville

Hélio Oiticica também serviu de inspiração para outra sala disponível, a “COSMOCOCA - programa in progress: núcleo poético dos Quasi-Cinema”. Em 1973, ele e o cineasta Neville D'Almeida realizaram uma seleção de imagens fotográficas para expor em um museu de São Paulo.

Os conteúdos foram doados ao MAM Rio, que decidiu fazer uma mostra com os experimentos dos dois. Suas produções fazem uma crítica às narrativas de cinema tradicionais, que dialogam com o ilusionismo e o papel contemplativo do espectador.

Leia também | CCBB-Rio realiza exposição virtual sobre arte contemporânea em maio

4. Design moderno

Já “Irmãos Campana – 35 Revoluções” tem o objetivo de celebrar os 35 anos de trajetória artística de Humberto e Fernando Campana. O espaço reúne várias peças de design e esculturas que foram produzidas em diferentes momentos da carreira dos dois.

5. Muitos olhares

O último ambiente que pode ser explorado na visita 3D é “Realce”, que traz produções de diferentes artistas, como Anna Maria Maiolino, Djanira, Mira Schendel, Cícero Días, Edival Ramosa, GTO, Hélio Melo, Le Corbusier e Max Bil.

Leia também | Unindo axé e eletrônico, Nill Tons & Hérlon lançam "Noronha", de Durval Lelys

Com curadoria de Keyna Eleison e Pablo Lafuente, a exposição é uma maneira de mostrar a nova direção artística do MAM a partir de uma seleção das coleções do museu.

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags