PUBLICIDADE
Tecnologia
NOTÍCIA

Apple: confira os produtos anunciados no evento nesta terça-feira, 20

Fabricante lançou novos modelos de iPad, iMac e Apple TV, além dos rastreadores AirTags; veja todas as novidades, preços e data de lançamento do evento realizado nesta terça, 20

Bemfica de Oliva
21:36 | 20/04/2021
Novos modelos do iPad Pro vêm com tela Mini-LED, processador Apple M1 e até 2 TB de armazenamento; empresa também anunciou atualizações para iMac, iPhones na cor roxa e o rastreador inteligente AirTags (Foto: Divulgação/Apple)
Novos modelos do iPad Pro vêm com tela Mini-LED, processador Apple M1 e até 2 TB de armazenamento; empresa também anunciou atualizações para iMac, iPhones na cor roxa e o rastreador inteligente AirTags (Foto: Divulgação/Apple)

A Apple anunciou uma leva de produtos nesta terça-feira, 20 de abril. No evento, chamado "Spring loaded", a empresa lançou novos modelos do tablet iPad, do computador iMac e da smart box Apple TV, além dos rastreadores AirTags, cuja estreia é esperado há tempos. Confira abaixo todas as novidades reveladas hoje.

Novos serviços: Apple Card familiar e assinatura de podcasts


Nem todos os lançamentos do dia foram focados em novos produtos. Dois dos anúncios são renovações de serviços já oferecidos atualmente pela Apple: o cartão de crédito Apple Card e a ampla base de podcasts distribuídos pelas plataformas da empresa.

No primeiro caso, trata-se de uma função nova que bebe da fonte de outros serviços da fabricante. Pelo Compartilhamento Familiar, assinaturas como o Apple TV e o Apple One podem ser usados por vários membros de uma mesma família. Essa função chegou ao Apple Card, permitindo adicionar dependentes (desde que tenham 13 anos ou mais) ou "co-proprietários" (desde que tenham 18 anos ou mais).

O primeiro grupo poderá usar o cartão digital para pagamentos na App Store, assinaturas de serviços e com o Apple Pay, enquanto o segundo tem estas funções, além de poder ver os gastos realizados no cartão e dividir a responsabilidade de pagamento da fatura. A função estará disponível a partir de maio, inicialmente apenas nos Estados Unidos.

O segundo anúncio também traz uma função pré-existente a um serviço já conhecido da Apple. A partir de maio, a plataforma de podcasts da empresa terá a opção de assinaturas pagas. Criadores de conteúdo poderão cobrar por funções adicionais, como curadoria dos programas, episódios sem anúncios e conteúdos extras, além de acesso antecipado. Junto com o serviço de assinaturas pagas, o aplicativo de podcasts foi redesenhado, e será lançado junto ao iOS 14.5.

Apple anuncia versão 14.5 de iOS e iPadOS


O sistema operacional para celulares da Apple, iOS, ganhará uma atualização na próxima semana. A versão para tablets, iPadOS, também será contemplada. O download estará disponível na próxima semana, ainda sem dia definido.

Por ser uma atualização menor, não há muitas novidades no iOS 14.5. Além do já mencionado aplicativo de podcasts, chega a compatibilidade com os rastreadores AirTags, a possibilidade de desbloquear iPhones com Face ID usando máscara (se o usuário tiver um Apple Watch conectado), além de mudanças menores nos aplicativos Música e Mapas. Também chega a compatibilidade com os controles de PlayStation 5 e XBox Series X/S.

Apple lança novas cores para iPhones 12, 12 Mini e capas


Outra novidade "menor" do evento desta terça-feira, 20, foi o lançamento dos iPhones 12 e 12 Mini na cor roxa. Eles não trazem alterações em relação aos modelos anunciados em setembro de 2020, mantendo as mesmas especificações. A pré-venda da nova cor acontece entre os dias 23 e 30 de abril, e os modelos estarão disponíveis em lojas físicas também no dia 30.

Foram anunciadas, ainda, novas cores para as capas da linha iPhone 12. Os acessórios agora podem ser adquiridos também nos tons violeta profundo para a capa de couro e azul capri, pistache, cantaloupe (laranja claro) e ametista para a capa de silicone. Assim como nas outras cores disponíveis para os modelos iPhone 12, ambos os acessórios têm suporte à tecnologia MagSafe. Todas as cores já estão disponíveis para compra na loja online da Apple por R$ 599 (silicone) e R$ 749 (couro).

AirTags: rastreadores da Apple funcionam com aplicativo Buscar


Boatos sobre a Apple anunciar rastreadores inteligentes já correm há anos. Nesta terça-feira, 20, finalmente a empresa tornou os rumores verdade. As AirTags se conectam a iPhones e iPads e podem ser encontradas com o aplicativo Buscar, ou pelo site do iCloud.

A usabilidade do produto é simples: encoste a AirTag em um iPhone ou iPad compatível e ela será será adicionada aos seus dispositivos. Após isso, o acessório poderá ser encontrado pelo aplicativo Buscar. É possível deixar as AirTags dentro de bolsas, mochilas, ou outros objetos, e também há chaveiros e laços compatíveis feitos pela própria Apple. O acessório tem alto-falante próprio para reproduzir som se for marcado como perdido e bateria do tipo CR2032, substituível pelo usuário e com duração estimada de um ano.

Embora as vendas só comecem em 30 de abril, as AirTags já estão disponíveis na loja online da Apple. O preço é de R$ 369 para uma unidade ou R$ 1.249 para um pacote com quatro. O chaveiro de couro custa R$ 439, enquanto os laços saem a R$ 379 (silicone) e R$ 499 (couro).

Nova Apple TV 4K traz controle remoto redesenhado


A smart box Apple TV, cuja versão com suporte a vídeos em resolução 4K (quatro vezes superior à Full HD) foi anunciada em 2017, ganhou uma atualização nesta terça-feira, 20. Entre as novidades estão o suporte a vídeos em HDR, com melhor reprodução de cores, a 60 frames por segundo, HDMI 2.1 e WiFi 6.

A maior mudança, no entanto, fica no controle remoto. Com novo design, o acessório agora tem o botão dedicado da Siri na lateral, um direcional sensível ao toque, e teclas mudo e liga/desliga que também funcionam diretamente com o televisor. O novo controle também chega à Apple TV com resolução HD.

Por fim, uma nova função para quem possui iPhones com Face ID permite realizar calibragem de cores da tela na qual a Apple TV estiver ligada. Basta iniciar a configuração no menu da smart box, colocar o iPhone na área indicada da tela e esperar o processo ser concluído.

O novo modelo da Apple TV será vendido a partir de 30 de abril. Ele já aparece na loja virtual da empresa, com preços de R$ 2.399 para a versão de 32 GB e R$ 2.599 para a de 64 GB.

Novo iMac tem processador próprio da Apple e várias cores


Mais conhecido computador da Apple, o iMac foi renovado no evento de hoje. A versão anunciada pela empresa traz design atualizado com apenas 11,5 mm de espessura e pode ser adquirido em sete cores diferentes, fazendo referência ao iMac original, lançado em 1998.

Os principais diferenciais do modelo são a nova tela e o processador M1. O primeiro componente tem 23,5" de diagonal, resolução 4,5K e pode exibir 1 bilhão de cores. O segundo é o mesmo processador usado nos MacBook Pro, MacBook e Mac Mini lançados pela empresa em novembro de 2020, e a fabricante promete até 85% mais performance que o modelo anterior, com processador Intel.

Outras especificações incluem duas portas Thunderbolt 3, WiFi 6, conjunto de som com seis alto-falantes e três microfones e fonte de alimentação com conector magnético, além do armazenamento que pode ser configurado entre 256 GB e 1 TB e a memória RAM de 8 ou 16 GB. Há uma versão mais cara, que adiciona duas portas USB tipo C, entrada de rede cabeada e leitor de impressões digitais no teclado sem fio, que vem na mesma cor da carcaça. A capacidade de armazenamento máxima aumenta para 2 TB.

Os novos iMacs entrarão em pré-venda em 30 de abril, com disponibilidade para a segunda metade de maio. Os preços começam em R$ 17.599 para a versão básica, com 256 GB de armazenamento, 8 GB de RAM e apenas duas portas Thunderbolt 4. O modelo mais barato vem nas cores verde, rosa, azul e prata, enquanto o topo de linha tem também os tons amarelo, laranja e roxo.

Novo iPad Pro traz 5G e processador igual aos de computadores da Apple


Fechando os lançamentos do dia, a Apple anunciou a nova geração do iPad Pro. O tablet focado em produtividade traz como principais destaques a nova tela, a conexão 5G e o processador M1, mesmo usado no novo iMac e nos computadores lançados pela empresa no final de 2020.

O display, chamado pela Apple de Liquid Retina XDR, traz como novidades o brilho de 1.000 nits (1.600 nits em modo HDR), o contraste de 1.000.000:1 e taxa de atualização de 120 Hz. O painel novo, com tecnologia MicroLED, está disponível apenas no modelo maior, de 12,9.

Na conectividade, embora o maior destaque seja o suporte a redes de quinta geração, há outros aspectos interessantes. Os novos iPads Pro têm conexão Thunderbolt 3, que permite transferir arquivos a 40 Gbps e até conectar monitores externos.

As câmeras passaram por mudanças leves, porém importantes. Na traseira ficam as mesmas lentes de 12 MP (principal) e 10 MP (grande-angular) da geração anterior, além do sensor Lidar para profundidade. Na frente, a câmera de 12 MP ganhou uma lente grande-angular de 122° com a função Palco Central, que pode aumentar ou reduzir o zoom da imagem para captar o usuário se movimentando pelo ambiente durante uma chamada de vídeo, ou retratar a chegada de mais pessoas no quadro da imagem.

Por dentro, o processador M1 traz desempenho digno de computadores profissionais. Não por acaso, é o mesmo usado no atual modelo do MacBook Pro, notebook topo de linha da empresa. O iPad Pro pode ser configurado com 128, 256 e 512 GB de armazenamento, vindo com 8 GB de memória RAM, e com 16 GB de RAM e 1 ou 2 TB de espaço interno.

Os preços dos novos iPads, no entanto, assustam. O modelo de 11" começa em R$ 10.799, com 128 GB de capacidade e com conexão WiFi, enquanto o de 12,9" chega a R$ 29.999 com 2 TB de armazenamento e conexão 5G. As vendas começam em 30 de abril.

Mais sobre Apple