PUBLICIDADE
Política
Noticia

Protestos contra Bolsonaro ocorrem no Ceará e no Rio, reduto do presidente

Em Fortaleza, a manifestação está marcada para 15 horas, na Praça Portugal

12:46 | 03/07/2021
Manifestação deste sábado, 3 de julho, em Caucaia, contra Bolsonaro (Foto: VIA WHATSAPP)
Manifestação deste sábado, 3 de julho, em Caucaia, contra Bolsonaro (Foto: VIA WHATSAPP)

Protestos contra o presidente Jair Bolsonaro começaram em várias cidades do Ceará e do Brasil neste sábado, 3 de julho (03/07). Com participação de povos indígenas, como os Anacés, o ato ocorre em Caucaia. Também já há manifestação realizada em Limoeiro do Norte, em movimento unificado do Vale do Jaguaribe.

Clique na imagem para abrir a galeria
 

Em Fortaleza, a manifestação está marcada para 15 horas, na Praça Portugal, Aldeota, organizada pelos movimentos Frente Brasil Popular, Frente Povo Sem Medo, e Fórum Sindical, Popular e de Juventudes de Luta pelos Direitos e pelas Liberdades Democráticas. Há ainda atos marcados para esta manhã em Maracanaú, Sobral, Juazeiro do Norte, Tianguá, Quixadá, Icó, Barreira, Itapipoca e Acaraú. Ainda hoje há manifestações marcadas para Iguatu, Pentecoste, Canindé e Redenção.

Ato unificado do Vale do Jaguaribe, em Limoeiro do Norte
Ato unificado do Vale do Jaguaribe, em Limoeiro do Norte (Foto: Reprodução/Twitter/Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) )

Protestos também ocorrem em outras capitais no Nordeste. Em Recife, Pernambuco, o ato ocorre no Centro. Manifestação ocorre também em João Pessoa, na Paraíba.

Protesto por vacina e contra Bolsonaro em João Pessoa, em 3 de julho de 2021
Protesto por vacina e contra Bolsonaro em João Pessoa, em 3 de julho de 2021 (Foto: Reprodução/Twitter/Juan Vilar)

A mobilização também ocorre no reduto político de Bolsonaro, o Rio de Janeiro. A concentração é no Monumento Zumbi dos Palmares, na Avenida Presidente Vargas, região central da cidade. A grande maioria dos manifestantes usa máscaras, mas existem pontos de aglomeração.

 

O movimento tem apoio de partidos de oposição ao governo, como PT, PDT, PCdoB, PSOL e PCB. Centrais sindicais também estão presentes, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT). Os participantes exibem ainda cartazes e faixa em referência a diversos movimentos, como negro, feminista e LGBT.

A concentração começou por volta das 10h. Manifestantes carregam bandeiras com "fora, Bolsonaro", "Bolsonaro genocida" e de demandas diversas, como vacina, cultura e educação. Um grande boneco inflável do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi montado na manifestação, com uma faixa "Lula livre" e uma máscara de proteção no rosto.

Protesto por vacina e contra Bolsonaro no Rio de Janeiro, em 3 de julho de 2021
Protesto por vacina e contra Bolsonaro no Rio de Janeiro, em 3 de julho de 2021 (Foto: Reprodução/Twitter)

Confira a lista de cidades do Ceará com protestos previstos:

Fortaleza: Praça Portugal (15h)
Caucaia: Igreja da Matriz (8h)
Maracanaú: Praça da Estação (8h)
Sobral: Praça de Cuba (8h)
Juazeiro do Norte: Praça da Prefeitura (9h)
Tianguá: Rodoviária (8h)
Quixadá: Praça José de Barros – Leão (8h)
Icó: Teatro da Ribeira dos Icós (16h)
Limoeiro do Norte (Ato unificado do Vale do Jaguaribe): Praça da Rodoviária (7h30)
Iguatu: Av. Francisquinha Dantas (17h)
Barreira: Tribuna Livre na Feira (9h)
Pentecoste: Praça do CSU (15h30)
Itapipoca: Ponte da Av. Esaú Alves de Aguiar (7h30)
Acaraú: Praça do Centenário (8h)
Canindé: Praça Tomaz Barbosa
Redenção: Campus da liberdade da Unilab (15h)