Participamos do

ETs existem? CIA libera documentos sobre a existência de Ovnis

Os arquivos foram solicitados através de lei de transparência dos Estados Unidos
13:19 | Jan. 13, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos (CIA), órgão responsável por investigar casos passíveis de ferir a segurança nacional americana, divulgou uma série de documentos relacionados a objetos voadores não-identificados, que podem comprovar a existência de vida extraterrestre inteligente. Os arquivos foram solicitados por John Greenwald Jr, através da lei de transparência, “Freedom of Informaction Act”.

Acesse a documentação (em inglês) aqui

Os documentos foram disponibilizados no site Black Vault, criado por John Greenwald, e reúnem registros oficiais da CIA, desde a década de 1980, de casos não comprovados de Ovnis, incluindo explosões e supostos contatos com extraterrestres. Parte dos arquivos já foi disponibilizada publicamente.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Os dados foram reunidos pela CIA e compactados em uma coleção em CD-ROM. Ao Motherboard, John Greenwald Jr. criticou a forma como a agência organizou as informações: “Este formato desatualizado torna muito difícil para as pessoas verem os documentos e usá-los para qualquer propósito de pesquisa”.

John Greenwald Jr. transformou o formato, e disponibilizou todos os arquivos de maneira acessível no portal Black Vault. No Twitter, o pesquisador comemorou a marca de 4,5 milhões de acessos em 24 horas no site. “Obrigado a todos vocês por trazer consciência para documentos tão importantes, informações valiosas e com um recurso gratuito”, complementou.

Ao Motherboard, Greenwald também afirmou que continuará solicitando informações da inteligência norte americana: “A pesquisa do The Black Vault continuará para ver se há documentos adicionais ainda descobertos nos acervos da CIA”.


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags