Participamos do

Camilo determina "apuração rigorosa" sobre causa do incêndio no Parque do Cocó

Bombeiros informam que há 12 focos e há hipótese de ser criminoso; chamas já atingiram pelo menos 20 hectares do local
17:40 | Nov. 18, 2021
Autor Mirla Nobre
Foto do autor
Mirla Nobre Repórter-trainee
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Pelas redes sociais, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), informou, nesta quinta-feira, 18, que determinou “apuração rigorosa” sobre o incêndio que atingiu pelo menos 20 hectares de vegetação do Parque Estadual do Cocó, em Fortaleza. O fogo teve início na noite dessa quarta-feira, 17, e conforme o Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBMCE), possui 12 focos e há hipótese de ser criminoso. Nesta quinta, equipes dos bombeiros ainda tentam dissipar as chamas no local.

Na publicação, o gestor estadual destacou que tem acompanhado a situação com muita preocupação. “Desde ontem à noite as forças do Corpo de Bombeiros foram mobilizadas imediatamente com dezenas de profissionais e equipamentos para debelar o fogo [...] O Cocó é um patrimônio ambiental do nosso estado e tem que ser preservado. Determinei apuração rigorosa sobre as causas do incêndio”, disse.

Na tarde desta quinta, o prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), disse que está em contato com Camilo sobre a apuração das causas do incêndio. Sarto destacou que, além da investigação, será necessário lidar com as “tristes consequências desse lamentável fato”. O prefeito da Capital ainda informou que esteve acompanhando o trabalho dos bombeiros nesta tarde. “Agradeci pessoalmente aos profissionais que conseguiram controlar as chamas”, escreveu em publicação nas redes sociais.

O titular da Secretaria do Meio Ambiente (Sema), Artur Bruno, disse que o caso será investigado pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA).

Na manhã de hoje, vias próximas ao Parque do Cocó e bairros da área leste da Capital amanheceram sob fumaça e com forte cheiro de queimada em virtude do incêndio. Moradores dos bairros Aerolândia, Aldeota, São João do Tauape, Guararapes, Dionísio Torres e Fátima são alguns dos que se depararam com fumaça nas ruas e até dentro de casa nesta manhã.

O Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBMCE) solicitou apoio de um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) para sobrevoar a região e verificar se os focos estão espalhados ou concentrados em uma única área. A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) foi demandada para organizar o fluxo lento de veículos e interditou a rotatória que fica no encontro entre as vias.

Incêndio pode ser criminoso

O tenente Waldomiro Loreto, bombeiro especialista em combate a incêndio florestal, que atua no local desde às 20h30min de ontem, informou que o caso não se trata de apenas um incêndio, mas sim de 12 incêndios. “São vários focos e isso indica ser uma ação criminosa. Alguém ou algumas pessoas fizeram queimas sucessivas”, disse.

O fogo começou por volta das 18 horas dessa quarta-feira, 17, e ainda não se sabe o que motivou o surgimento das chamas.

Confira como ficou vias próximas do Parque do Cocó

Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags