PUBLICIDADE
Fortaleza
Noticia

"Te tiraram de nós com violência": familiar e amigos lamentam assassinato de gestante

Efigênia Soares, de 28 anos, foi morta e teve o corpo queimado. Ela estava na 6ª semana de gestação

Jéssika Sisnando
13:55 | 15/01/2021
Efigênia Soares estava grávida e foi morta pelo namorado  (Foto: reprodução/Facebook )
Efigênia Soares estava grávida e foi morta pelo namorado (Foto: reprodução/Facebook )

Uma familiar de Efigênia Soares, gestante morta que teve o corpo queimado pelo namorado, comentou nas redes sociais sobre a dor de perder a sobrinha vítima da violência.  O homem apontado como responsável pelo crime foi preso nessa quinta-feira, 14. O POVO apurou que o feminicídio teria sido cometido depois que o autor do crime soube da gestação da estudante de fisioterapia

"Perdi você minha sobrinha. Te tiraram de nós com violência, te assassinaram. Acabou as risadas altas, as brincadeiras e os debates. Hoje passamos o dia te procurando, mas no final do dia a notícia da tua morte nos devastou. Que Deus tenha misericórdia de nós. Vai fazer falta. Jovens escutem seus pais, seus tios, cuidado. A vida é um sopro rápido. A sabedoria é melhor amiga", escreveu a tia de Efigênia.

Em outra publicação, um amigo de Efigênia lamenta mais um feminicídio no Ceará. "Feminicídio só existe quando acontece perto de você. Quanto macho escroto nesse mundo", relata.

Em mais uma publicação o amigo descreveu a convivência com Efigênia. "Foi pouco tempo que passei ao seu lado. Infelizmente o destino te levou. Descanse em paz minha querida, em tão pouco tempo você me ensinou muita coisa. Foi uma honra ter te conhecido", comentou na rede social Facebook.

A academia aonde a universitária treinava, Muay Thai House, fez uma publicação "Somos todos Efigênia". Relatos de conhecidos são de que ela treinava jiu-jitsu e acompanhava os treinos pelo WhatsApp. Ultimamente ela não participava das aulas presenciais devido o trabalho e os estudos.

"Efigênia... você foi alegria no meio de nós. Você foi sorrisos largos, engraçados e brincalhões. Você foi treino e dedicação. Você foi aluna, amiga, filha, profissional.. e você ainda é nos nossos corações. Tua voz não irá se calar. O luto é por ela. A luta é de todas", divulgou.

Confissão

Wando Cordeiro Vasconcelos confessou que estrangulou a jovem e colocou fogo no cadáver. Veja o relato da Polícia sobre os detalhes do crime

LEIA MAIS: 

Namorado teria decidido matar universitária e queimar corpo após saber da gravidez

Gestante é morta e tem corpo queimado e abandonado na Grande Fortaleza

Preso homem apontado como responsável por matar gestante e queimar cadáver