PUBLICIDADE
Fortaleza
Noticia

Camilo Santana se pronuncia sobre acidente entre VLTs

"Minha determinação é para que a apuração seja feita com todo o rigor, a fim da tomada de providências", afirma governador

18:07 | 28/09/2019
FORTALEZA, CE, BRASIL, 28-09-2019: Colisão entre veículos do VLT. Batida aconteceu no viaduto entre a rotatória da Av. Aguanambi e a Av. Borges de Melo, 37 pessoas ficaram feridas sendo 2 em situação grave. (Foto: Júlio Caesar/O POVO)
FORTALEZA, CE, BRASIL, 28-09-2019: Colisão entre veículos do VLT. Batida aconteceu no viaduto entre a rotatória da Av. Aguanambi e a Av. Borges de Melo, 37 pessoas ficaram feridas sendo 2 em situação grave. (Foto: Júlio Caesar/O POVO)(Foto: Julio Caesar/Julio Caesar)

O governador do Ceará Camilo Santana (PT) se pronunciou, na tarde deste sábado (28), sobre o acidente entre duas composições do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) ocorrido por volta das 11h45min. A colisão frontal, sucedida na Vila União, lesionou 37 pessoas. Os feridos, entre passageiros e maquinistas, foram encaminhados ao Instituto Doutor José Frota (IJF) e também aos Frotinhas da Parangaba e de Messejana. O estado de saúde dos envolvidos é estável. A causa do acidente ainda não foi divulgada.

“Sobre o acidente com dois VLTs, esta manhã, em Fortaleza, informo que todos os esforços foram realizados pelas nossas equipes de socorro do estado e município para o imediato resgate e atendimento às vítimas, inclusive com apoio de helicóptero da Ciopaer. Segundo o nosso Comando dos Bombeiros, felizmente não foi registrada nenhuma morte e a maioria das vítimas não teve gravidade nos ferimentos.

Na postagem, o governador ressalta ainda que equipes da perícia também estiveram no local para apurar as causas do acidente. "Minha determinação é para que a apuração seja feita com todo o rigor, a fim da tomada de providências. Presto minha solidariedade às vítimas e aos seus familiares”, diz a publicação de Camilo Santana divulgada nas redes sociais Facebook e Instagram.

O VLT Parangaba-Mucuripe integra o sistema metroviário de Fortaleza e Região Metropolitana, composto também pelas linhas Sul e Oeste. O ramal está operando de forma assistida, com transporte de passageiros e sem cobrança de tarifa, da Parangaba ao Estação Papicu.

Na colisão deste sábado, os dois VLTs da linha Parangaba/Mucuripe se chocaram nas proximidades da rotatória da BR-116 com a avenida Aguanambi, próximo à estação Borges de Melo.