Participamos do

Indústria cresce 44,96% e puxa PIB cearense no segundo trimestre

No período de abril a junho deste ano, a Indústria no Ceará cresceu 44,96% , e serviços, 15,94%, ante período correspondente em 2020. Já a agropecuária recuou 5,42% no mesmo intervalo de tempo
16:47 | Set. 28, 2021
Autor Adailma Mendes
Foto do autor
Adailma Mendes Editora-executiva
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) detalhou na tarde desta terça-feira, 28, os dados do PIB cearense. Diferente do PIB do Brasil, que recuou em 0,1% no segundo trimestre, o Produto Interno Bruto do Ceará, entre abril a junho ante janeiro e março deste ano, avançou 0,8% na geração de riquezas. Se a comparação do resultado for de abril a junho deste ano ante igual período de 2020, o crescimento do PIB do Ceará chega a 18,39%, também acima da média nacional de 12,4%.

Por setores, no segundo trimestre frente a período equivalente em 2020, a Indústria no Ceará cresceu 44,96%, e Serviços, 15,94%. Já a Agropecuária recuou 5,42% no mesmo intervalo de tempo.

Na comparação entre os dois primeiros trimestres deste ano, a Indústria no Estado teve queda de 1,67%. Agropecuária cresceu 2,47% e Serviços, 1,61%.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em setembro de 2021, a previsão do Ipece para o crescimento da economia cearense no ano de 2021 está em 6,24%. O crescimento esperado para o PIB estadual é superior à expectativa divulgada em junho de 2021. A previsão para o Estado se mantém acima do projetado para economia brasileira, cuja taxa é de 5,02%, também superior à taxa registrada em junho.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags