PUBLICIDADE
Olimpíadas
NOTÍCIA

Primeira medalha das Olimpíadas de Tóquio vai para chinesa

Atleta russa ficou com a prata e suíça com o bronze na carabina de 10m

Wanderson Trindade
23:20 | 23/07/2021
A chinesa Yang Qian comemora no pódio entre a russa Anastasiia Galashina e a suíça Nina Christen após vencer a final da carabina de pressão feminino 10m durante os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 no campo de tiro Asaka, no distrito de Nerima, em Tóquio (Foto: Tauseef Mustafa / AFP))
A chinesa Yang Qian comemora no pódio entre a russa Anastasiia Galashina e a suíça Nina Christen após vencer a final da carabina de pressão feminino 10m durante os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 no campo de tiro Asaka, no distrito de Nerima, em Tóquio (Foto: Tauseef Mustafa / AFP))

Atualizado às 23h40min

A atleta chinesa Qian Yang é a primeira medalhista de ouro das Olimpíadas de Tóquio 2020. Na noite desta sexta-feira, 23, ela conseguiu a vitória na carabina de pressão de 10 metros.

O primeiro pódio no Japão foi completado pela atleta do Comitê Olímpico Russo (ROC, sigla inglês), Anastasiia Galashina, e pela suíça Nina Christen.

Com apenas 21 anos, Yang bateu o recorde olímpico com 251,8 pontos no total. Até então, Galashina liderava a prova, mas com um tiro de 8,9 pontos, Yang passou na frente e levou o ouro.

Esta foi a primeira final dos Jogos de Tóquio e contou com a presença do presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach. Devido às medidas de combate à covid, Qian Yang teve que colocar nela mesma a medalha.

 

+ Onde e como surgiram as Olimpíadas

+ O que representa a Tocha Olímpica

+ Quanto custou as Olimpíadas de Tóquio

+ Quais as modalidades terão nos Jogos Olímpicos

+ Quais países participarão dos Jogos Olímpicos

+ Olimpíadas de Tóquio: quem são os favoritos

+ Conheça cinco modalidades curiosas

Olimpíadas de Tóquio: últimas notícias