Participamos do

Na volta da torcida ao Castelão, Fortaleza encara Atlético-GO pela Série A

Depois de 570 dias, Leão do Pici volta a atuar diante dos torcedores no Gigante da Boa Vista e quer aproveitar reforço no poderio caseiro para derrotar Dragão
18:57 | Out. 01, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Com os holofotes voltados para as arquibancadas da Arena Castelão, que voltará a receber público após mais de um ano e meio, o Fortaleza entra em campo diante do Atlético-GO, às 17 horas deste sábado, 2, pela 23ª rodada da Série A, com a missão de corresponder à expectativa da torcida e tentar se manter entre os três primeiros colocados.

Após quebrar a sequência de seis jogos sem vitórias no Brasileirão com o triunfo por 1 a 0 sobre o Sport-PE, no último domingo, 26, o Tricolor teve a semana movimentada pelos ajustes extracampo para liberação dos torcedores no Gigante da Boa Vista. Com o aval da Secretaria da Saúde (Sesa) do Estado, 6.200 pessoas estarão presentes no confronto.

O fato pode ser um reforço para o poderio da equipe, que tem a segunda melhor campanha dentro de casa no certame, com 70% de aproveitamento. Foram exatos 570 dias de distância, desde a vitória por 3 a 0 sobre o Pacajus, em 11 de março de 2020, pelo Campeonato Cearense.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Os jogadores e a comissão técnica aguardam o momento histórico, mas freiam a empolgação e mantêm o foco no adversário, que vive momento de instabilidade na competição nacional: são cinco jogos sem ganhar - quatro empates e uma derrota - e troca no comando técnico, com a saída de Eduardo Barroca.

O Leão do Pici, por sua vez, recuperou a terceira posição do Campeonato Brasileiro com o triunfo na Arena Pernambuco e pode assumir a vice-liderança em caso de novo resultado positivo, ainda que de forma provisória - o Palmeiras só entra em campo às 18h15min de amanhã, contra o Juventude-RS. O time vermelho, azul e branco também segue atento ao Flamengo-RJ, que segue na cola com um ponto a menos e três jogos atrasados.

Para o compromisso diante dos goianos, o Fortaleza não poderá contar com o ala esquerdo Lucas Crispim, que completou a série de três cartões amarelos. A vaga deverá ficar com Bruno Melo. Já o atacante David volta a ficar à disposição após suspensão pela expulsão contra o Internacional-RS e pode assumir o posto de Romarinho para formar dupla com o chileno Ángelo Henríquez.

Comandante interino do Atlético-GO, Eduardo Souza pode mexer a equipe e estuda Willian Maranhão, Baralhas e Matheus Barbosa como opções para o meio-campo. O Rubro-Negro conta com três velhos conhecidos do Leão: o zagueiro Wanderson, o meia João Paulo e o atacante André Luís, todos titulares.

Fortaleza x Atlético-GO

Fortaleza
3-5-2: Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Felipe, Éderson, Lucas Lima e Bruno Melo; David e Ángelo Henríquez (Robson). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Atlético-GO
4-3-3: Fernando Miguel; Dudu, Wanderson, Éder e Natanael; Willian Maranhão (Baralhas), Matheus Barbosa e João Paulo; André Luís, Zé Roberto e Janderson. Técnico: Eduardo Souza

Local: Arena Castelão, em Fortaleza/CE
Data: 2/10/2021
Horário: 17 horas (horário de Fortaleza)
Árbitro: Alisson Sidnei Furtado/TO
Assistentes: Cipriano da Silva Sousa/TO e Fernando Gomes da Silva/TO
VAR: Caio Max Augusto Vieira/RN
Transmissão: Premiere, Rádio O POVO CBN e Tempo Real O POVO

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags