Participamos do

"Surpresa nenhuma", garante Jussa sobre presença do Fortaleza no G-4 da Série A

Volante aponta trabalho como justificativa para campanha do Tricolor no Brasileirão, afirma não ter preferência sobre função em campo e elogia elenco
16:29 | Ago. 17, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Polivalente no esquema de Juan Pablo Vojvoda e titular nas últimas três partidas do Campeonato Brasileiro, o volante Matheus Jussa afirma não ter preferência sobre posicionamento em campo, elogia o nível do elenco e assegura não ver surpresa na campanha do Fortaleza na atual edição da Série A, com presença constante no G-4.

A equipe do Pici soma 31 pontos em 16 jogos disputados e ocupa a terceira posição, a um ponto do vice-líder Palmeiras-SP. Firme na zona de classificação para a fase de grupos da Copa Libertadores de 2022, o Tricolor já chegou a ocupar a liderança e se mantém nas primeiras colocações após quase todo o primeiro turno da competição nacional.

"Acho que não é surpresa nenhuma porque a gente tem a consciência do trabalho que tem feito, então quem trabalha para caramba e busca essa evolução não vê surpresa no resultado. Para a gente não é surpresa nenhuma estar entre os quatro ou cinco (classificados) para a Libertadores. Vamos buscar evoluir cada vez mais para, quem sabe, buscar esse título", disse o camisa 16.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Com 24 partidas realizadas pelo Leão, Jussa já atuou como zagueiro e na posição de origem, seja mais recuado ou adiantado. Nos últimos três compromissos pelo Brasileirão, formou dupla tanto com Felipe quanto Éderson e diz estar à disposição para qualquer função.

"Não, não tenho preferência. O técnico deixa todos bem à vontade, então quem entra jogando ou no decorrer do jogo pode fazer outra função. Não tem essa preferência de nenhum atleta, todos ali estão aptos a atuar em qualquer posição. O importante é sempre estar jogando", garantiu.

Diante da concorrência interna no elenco, inclusive no próprio meio-campo, o volante de 25 anos destaca o empenho do grupo de atletas no dia a dia, ressalta a importância da força coletiva para a sequência da temporada e diz que a disputa por posição é motivadora.

"Com certeza. O grupo todo busca ser titular. Quem não quer estar jogando? A cada treino, todo mundo busca o seu melhor para estar entre os 11 e aqueles que não entram jogando buscam entrar nos jogos cada vez melhor. Isso é bom para caramba para o grupo, para o time, para o próprio técnico. Vendo todo mundo evoluindo, ele pode contar com todo mundo. E no Brasileiro, em todos os campeonatos do Brasil, é preciso ter um elenco forte. É bom para cada atleta estar buscando evolução para ajudar o Fortaleza a buscar títulos", ponderou Matheus Jussa.

O Fortaleza volta a campo diante do Juventude-RS no próximo sábado, 21, às 21 horas, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 17ª rodada da Série A.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags