PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
Noticia

Vojvoda elogia atuação do Fortaleza em Clássico-Rei e comemora vaga na Copa do Brasil

Após vitória por 3 a 0 sobre o Ceará, técnico argentino enaltece atuação do Leão, festeja saldo positivo em primeiros 30 dias de trabalho e cobra evolução

00:41 | 11/06/2021
Classificação na Copa do Brasil coroa o mês praticamente perfeito de Vojvoda no Fortaleza (Foto: Aurelio Alves)
Classificação na Copa do Brasil coroa o mês praticamente perfeito de Vojvoda no Fortaleza (Foto: Aurelio Alves)

No dia em que completou um mês de trabalho presencial à frente do Fortaleza, o técnico Juan Pablo Vojvoda elogiou a atuação da equipe na vitória por 3 a 0 sobre o Ceará, na última quinta-feira, 10, na Arena Castelão, pela terceira fase da Copa do Brasil, e festejou a classificação para as oitavas de final do torneio.

Após o empate em 1 a 1 no confronto de ida, o Tricolor dominou o Vovô e construiu o resultado com gols de Felipe e David, duas vezes. Em entrevista coletiva, o treinador argentino destacou o desempenho do time e apontou os fatores que contribuíram para o placar elástico no Clássico-Rei.

"Na minha opinião, foi uma boa atuação do Fortaleza. Uma partida decisiva, na Copa do Brasil um segue e outro fica, mas também contra o Inter fizemos uma partida interessante", disse. "Concentração, intensidade e também ter a autoridade para jogar quando a equipe se propôs a jogar. Foram qualidades que a equipe apresentou dentro do campo de jogo", avaliou.

LEIA MAIS

+ Com classificação, Fortaleza soma mais de R$ 6 milhões de cota na Copa do Brasil
+ Éderson elogia trabalho de Vojvoda no Fortaleza: "É comunicativo e passa muita confiança"
+ Decisivo contra o Ceará, David divide artilharia do Clássico-Rei com Wellington Paulista

Felipe, em jogada de bola parada, e David, aproveitando vacilo da defesa alvinegra, balançaram as redes ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, o Leão ampliou com novo gol do camisa 17. De acordo com o comandante, o gol do volante tornou o cenário favorável.

"Creio que o primeiro gol nosso abre o jogo. A partir desse momento, o Fortaleza pôde controlar o jogo através de um bom funcionamento pela posse de bola. O segundo gol foi uma boa pressão alta. No segundo tempo, o terceiro gol chega muito rápido, então se pôde fazer uma partida controlada por nossa parte", analisou.

"Sim, o segundo tempo foi diferente do primeiro. No primeiro, o Fortaleza teve o controle e a posse de bola. É verdade que o rival, através de bola parada, nos complicou, mas a equipe soube responder ao que havíamos planejado", completou.

Há um mês no cargo, Vojvoda comandou o Fortaleza em goleadas, título estadual, triunfos em clássicos e levou à liderança da Série A. Em nove jogos, foram sete vitórias e dois empates, o que rende aproveitamento de 85%. O treinador comemora o saldo positivo nos primeiros 30 dias e cobra evolução para o decorrer da temporada.

"Sempre espero o melhor, mas esse é um momento importante da equipe, os jogadores a cada vez melhoram seu funcionamento. Mas não pode ficar nisso e temos que continuar nessa busca de melhorar continuamente", avisou. "Eu estou feliz por mim, pelos meus jogadores e, principalmente, pela torcida. A torcida ama as cores do Fortaleza e sempre está lá. Treinadores, jogadores... É o nosso trabalho, mas a torcida sente amor pelo seu clube, e isso é o mais importante", ponderou.