PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Fortaleza é goleado pelo Bahia e permanência na Série A nesta rodada depende de outros resultados

Com derrota, Leão cai para 16ª posição, mas ainda a quatro pontos do Z4. Para se garantir em mais um ano de Brasileirão, precisa que Goiás não vença e Vasco perca

Gerson Barbosa
22:53 | 20/02/2021
Gols do Bahia foram todos comemorados coletivamente entre titulares e reservas  (Foto: Fábio Lima/O POVO)
Gols do Bahia foram todos comemorados coletivamente entre titulares e reservas (Foto: Fábio Lima/O POVO)

O Fortaleza poderia se garantir na Série A do Campeonato Brasileiro com uma vitória sobre o Bahia na noite deste sábado, 20, no jogo válido pela 37ª rodada da competição. Mas não foi isso que aconteceu. Com três gols de Rodriguinho, um de Rossi e um jogador a mais após expulsão de Felipe, os visitantes triunfaram sobre o Leão por 4 a 0 e a confirmação de permanência para os cearenses ainda neste fim de semana depende de outros resultados.

O Tricolor do Pici agora depende que Goiás no máximo empate com Red Bull Bragantino em casa e que Vasco perca para o Corinthians em São Paulo. Caso um deles não ocorra, a decisão fica para a última rodada. Ambos os jogos acontecem neste domingo, 21.

Torcida do Fortaleza faz festa para o clube no trajeto até o Castelão antes da partida contra o Bahia

Caso o Esmeraldino no máximo empate e o Cruzmaltino também termine em igualdade com o Timão, o Leão pode encaminhar a permanência, visto que os cariocas até alcançariam os cearenses, mas teriam que tirar diferença de 12 gols de saldo na última rodada.

Com o revés, o Fortaleza cai uma posição na tabela, chegando na 16ª colocação com os mesmos 41 pontos. O Bahia sobe um lugar, ficando em 15º com a mesma pontuação do Leão, mas com uma vitória a mais.

Na próxima rodada, o Fortaleza viaja para enfrentar o time do Fluminense no Maracanã, enquanto o Bahia duela com o Santos na Arena Fonte Nova. Os dois jogos acontecem, assim como o restante da 38ª rodada, simultaneamente às 21h30min da próxima quinta-feira, 25.

O JOGO

A partida começou com uma intensidade que a tensão do jogo pedia. Os dois times mostraram muita correria, apresentando vontade em vencer o triunfo que poderia definir o futuro das equipes na competição. Contudo, desde o início do jogo, o Bahia era quem se apresentava com mais possibilidades fatais de gol.

E isso ficou claro logo nos sete minutos do primeiro tempo, quando Rodriguinho recebeu sozinho um cruzamento de Nino Paraíba na área e, de cabeça, mandou para o fundo das redes, abrindo o placar. Minutos depois, o Fortaleza colocou bola na trave com Paulão em jogada de bola parada. Essa, porém, seria a melhor chance do Tricolor no primeiro tempo.

Fora dos planos do Fortaleza até julho, Edson Cariús espera novo empréstimo no início da temporada

Na etapa final, veio a confirmação da vitória do Bahia. Com 17 minutos, uma jogada muito semelhante ao primeiro gol aconteceu no segundo tento dos visitantes. Nino Paraíba novamente cruzou na cabeça de Rodriguinho, que, sozinho, mandou para as redes, ampliando o placar.

Quatro minutos depois, Rodriguinho é derrubado dentro da área. Após a jogada, Felipe acabou sendo expulso levando o segundo cartão amarelo. O camisa 10 do Bahia foi para a marca da cal e, no rebote da defesa de Felipe Alves, fez o terceiro dele e do Tricolor Baiano no embate. A partir daí, o duelo apenas se encaminhou para o apito final, com as equipes entendendo que aquele seria o resultado final. Contudo, aos 36, novo pênalti para os visitantes e Rossi converteu o 4 a 0.

Repercussão da derrota do Fortaleza contra o Bahia

"É inadmissível isso que fizemos dentro de campo", diz Tinga, após goleada do Bahia sobre o Fortaleza

Fortaleza tem sofrido mais gols na reta final da Série A; média de tentos contra é a maior com Enderson