Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Ferroviário perde para o Remo fora de casa e fica em situação delicada na Série C

Tubarão da Barra termina a 17ª rodada da terceira divisão do Campeonato Brasileiro dentro da zona do rebaixamento

O Ferroviário se complicou na luta contra o rebaixamento. Na noite desta segunda-feira, 01, o Tubarão da Barra visitou o Remo e foi derrotado por 2 a 1 no Estádio Baenão, em Belém, no Pará. A partida foi válida pela 17ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Marco Antônio e Vanilson balançaram as redes para os donos casa, enquanto Ian diminuiu. 

O resultado não foi nada bom para o time de Francisco Diá. Com a derrota, o Ferroviário terminou a 17ª rodada da competição dentro da zona de rebaixamento, na 18ª posição, com 16 pontos, três a menos que o Floresta, primeiro time fora do Z4.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O jogo

Movido por um Baenão lotado, o Remo buscou fazer uma pressão inicial na partida. Os donos da casa não deixavam o Ferroviário ficar com a posse de bola, ou ao menos tentar puxar algum contra-ataque, e rondavam a área do goleiro Jonathan buscando espaço para finalizar.

Com dificuldades para achar espaço pela faixa central do campo, o Remo abusava das jogadas pelo lado esquerdo com o lateral Leonan. Ele era quem mais chegava ao ataque e, por diversas vezes, foi até a linha de fundo para cruzar para o meio da área.

Porém, mesmo mantendo maior posse de bola e alugando o campo adversário, o Leão não conseguia tirar o Ferroviário da zona de conforto. O time cearense se defendia bem e não levava sustos na defesa.

Ao perceber a dificuldade de criação do time adversário, o Tubarão da Barra começou a gostar da partida nos minutos finais. A equipe de Francisco Diá impôs mais intensidade na marcação, roubou mais bolas e passou a marcar presença no campo de ataque mais vezes. Não à toa criou a melhor chance do jogo, até então, aos 47’, com Dudu Silva. O atacante saiu de cara com o goleiro, mas finalizou errado.

Logo depois de ter a chance mais clara de abrir o placar no Baenão, o Ferroviário foi castigado. No lance seguinte, Bruno Alves fez boa jogada pela direita e cruzou para o meio da área. Marco Antônio, que entrou aos 23 minutos no lugar de Anderson Paraíba, se posicionou no meio da defesa e escorou de perna esquerda para abrir o placar. Balde de água fria na equipe cearense.

Precisando pontuar para não ficar em situação complicada na Série C, o Ferroviário voltou mais ofensivo do intervalo. O Tubarão criou boa oportunidade aos 15 minutos, com Edson Cariús. O atacante recebeu passe em profundidade e chutou forte, mas a bola foi na rede pelo lado de fora.

Aos 30 minutos, o Ferroviário teve a melhor oportunidade para empatar a partida. Após rebote da defesa, Mateus Anderson finalizou forte da entrada da pequena área, mas o goleiro Zé Carlos fez um milagre para impedir o gol adversário.

A pressão do Ferroviário surtiu efeito. Aos 35 minutos o Tubarão da Barra finalmente chegou ao empate. Após trapalhada da defesa, Edson Cariús saiu livre na área e finalizou para boa defesa de Zé Carlos. Porém, no rebote Ian não desperdiçou, deixou tudo igual. 

Quando a partida caminhava para um empate amargo para as duas equipes, o Remo achou um gol nos minutos finais. Após dividida com o goleiro, Vanilson aproveitou a sobra da bola e finalizou para marcar o tento da vitória.  

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar