Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

CBF nega solicitação do Ceará e mantém árbitro para Clássico-Rei na Copa do Brasil

Conforme apurou o Esportes O POVO, a CBF entende que não há motivos para substituir Wagner Magalhães do Clássico-Rei e argumenta que o árbitro tecnicamente está apto para apitar a partida
09:35 | Jun. 21, 2022
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A CBF negou a solicitação do Ceará para trocar o árbitro Wagner do Nascimento Magalhães, escalado para apitar o Clássico-Rei pelo duelo de ida da Copa do Brasil. A resposta da confederação aconteceu na noite da última segunda-feira, 20, após o presidente Robinson de Castro se manifestar contra a escalação do carioca.

Conforme apurou o Esportes O POVO, a CBF entende que não há motivos para substituir Wagner Magalhães do Clássico-Rei e argumenta que o árbitro tecnicamente está apto para apitar a partida. Além disso, a audiência para determinar a alteração do juiz central teria que ocorrer em até 48 horas antes do início do jogo, marcado para as 20 horas desta quarta-feira, 22, conforme o Estatuto do Torcedor.

Para a partida, a Comissão Nacional de Arbitragem adicionou mais um árbitro assistente para auxiliar a equipe de arbitragem, cujo atuará como uma espécie de "quinto árbitro". 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A CBF também não concorda com as reclamações do Ceará sobre Wagner Magalhães. O Vovô acredita ter sido prejudicado em um lance onde o árbitro assinalou pênalti a favor do Goiás e expulsou o lateral-esquerdo Bruno Pacheco. O Esmeraldino converteu a cobrança com Pedro Raul e empatou o jogo no estádio Hailé Pinheiro.

Na mesma partida, o Alvinegro reclamou de pênalti no meia-atacante Mendoza, que havia sido puxado na grande área minutos depois do empate do adversário. O juiz, porém, mandou seguir o lance.

A Comissão de Arbitragem entendeu que o juiz agiu corretamente em ambas as decisões.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar