PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
Noticia

De olho em classificação antecipada, Ceará visita Sport pela Copa do Nordeste

Há 28 anos sem vencer o Rubro-Negro em Recife, Alvinegro precisa quebrar tabu para sonhar com classificação já na penúltima rodada da primeira fase

Gerson Barbosa
21:52 | 02/04/2021
Atacante Cléber é esperança de gols do Vovô no duelo em Recife (Foto: Aurelio Alves)
Atacante Cléber é esperança de gols do Vovô no duelo em Recife (Foto: Aurelio Alves)

O Ceará entra em campo no próximo sábado, 3,/ contra o Sport-PE em partida válida pela sétima rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste sabendo que uma vitória pode garantir vaga antecipada nas quartas de final do torneio. Para isso, porém, o Alvinegro vai precisar terminar um tabu de 28 anos: não vence o Leão da Ilha no Recife (PE), palco do embate, desde 1993.

A última vitória do Ceará jogando na capital pernambucana aconteceu pela Copa do Brasil de 1993, quando triunfou por 1 a 0. De lá para cá foram sete jogos e sete vitórias para o Sport. Além desse encontro de 28 anos atrás, o Vovô venceu o Leão da Ilha no Recife também em 1969, pelo torneio Norte-Nordeste, somando as duas únicas vezes que os cearenses voltaram a Fortaleza vitoriosos. O levantamento histórico é por meio do site OGol.

LEIA MAIS 

Caso quebre o tabu, o Ceará dá o primeiro passo nesta rodada para a classificação antecipada às quartas de final do Nordestão. Após eventual vitória, precisa ainda torcer para que três de quatro destes cenários aconteçam: Sampaio Corrêa-MA perder para o ABC-RN em Natal (RN); Treze não vencer o Vitória-BA em Salvador (BA); Confiança tropeçar no Botafogo-PB, em João Pessoa (PB) e/ou 4 de julho não derrotar o CSA-AL, em Maceió (AL). Se dois ou mais não acontecerem, a decisão da vaga fica para a última rodada.

O dado histórico negativo para o lado do Ceará, porém, não intimida o goleiro Richard. Em coletiva de imprensa guiada ontem, o arqueiro disse entender a importância da estatística, mas pontuou que "o momento é outro".

Para tentar o feito, o técnico Guto Ferreira não vai poder contar com cinco jogadores e tem uma dúvida. William Oliveira, Fernando Sobral e Yony Gonzalez estão com Covid-19 e se recuperam em isolamento. Jacaré iniciou trabalho pós-operatório, mas ainda fica meses de fora. Rick está suspenso após tomar vermelho no jogo passado. Jael, com estiramento na coxa, é dúvida para o confronto.

Sendo assim, a tendência é que o Ceará repita boa parte do time que venceu o CSA na última quarta-feira, 31. As únicas dúvidas na escalação estão na lateral-direita com Gabriel Dias ou Eduardo, centroavante com Cléber ou Felipe Vizeu e na ponta-direita provavelmente com Lima.

No lado do Sport, o técnico Jair Ventura tem dois desfalques certos. O zagueiro Thyere, expulso na rodada passada, cumpre suspensão automática contra o Vovô, enquanto o goleiro Carlos Eduardo está lesionado. O treinador conta com os retornos do defensor Iago Maidana e também do volante Ronaldo. Ambos devem entrar no time titular. Na frente, o atacante Jonas Toró, que fez dois gols nos últimos dois jogos, deve ganhar oportunidade na vaga de Maxwell

Sport x Ceará

Sport 
4-2-3-1: Luan Polli; Patric, Chico (Maidana), Adryelson e Sander; Marcão e Ronaldo (Betinho); Neílton, Thiago Neves e Jonas Toró; Mikael. Téc.: Jair Ventura.

Ceará 
4-2-3-1: Richard; Gabriel Dias (Eduardo), Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Charles e Oliveira; Lima (Saulo Mineiro), Vina e Mendoza; Cléber (Vizeu). Téc.: Guto Ferreira.

Data: 3/4/2021
Hora: 16 horas
Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Assistentes: Edevan de Oliveira Pereira/BA e Paulo de Tarso Bregalda Gusse/BA
Transmissão: TV Jangadeiro, PPV da Copa do Nordeste, Nordeste FC, Tik Tok da Copa do Nordeste, Rádio O POVO AM 1010 e transmissão em áudio em www.opovo.com.br/esportes