PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Para sair do Z-4, Ceará encara duelo contra Atlético-GO como decisão

Time venceu o Bahia na última rodada do Brasileirão e encara o Dragão, no domingo, na busca por sequência de resultados positivos

Domitila Andrade
22:00 | 28/08/2020
Guto Ferreira deverá manter contra o Atlético-GO time titular dos dois últimos jogos (Foto: Felipe Santos/Cearasc.com)
Guto Ferreira deverá manter contra o Atlético-GO time titular dos dois últimos jogos (Foto: Felipe Santos/Cearasc.com)

Tratar cada jogo como decisivo. Essa, ao que parece, deve ser a estratégia adotada pelo Ceará para engatar uma sequência de bons resultados no Campeonato Brasileiro 2020. Como a pressão do mata-mata tem feito bem ao time - que, ao comando de Guto Ferreira, venceu os seis jogos eliminatórios que disputou - a artimanha de encarar o certame de pontos corridos assim pode dar certo. No próximo desafio, pela sexta rodada contra o Atlético-GO, no domingo, 30, às 18 horas no estádio Olímpico Pedro Ludovico Teixeira, o confronto é direto e a decisão vale vaga fora da zona de rebaixamento.

Tanto Ceará quanto Atlético-GO tem quatro pontos e estão na zona de degola - o Vovô na vice-lanterna e o Dragão na 17ª posição na tabela. Somar os três pontos em disputa significa dar adeus, nesta rodada, ao Z-4. Caso vença, o Ceará fica, no mínimo, em 14º lugar na classificação.

Para isso o técnico Guto Ferreira deve aproveitar a confiança que o time tem adquirido com os últimos resultados. São dois jogos de vitórias pelo Campeonato Brasileiro e pela Copa do Brasil, que ajudaram a revigorar o ânimo da equipe, após um início de Série A ruim.

"Importante estar vencendo, mas, sabemos que cada jogo do Brasileirão é uma final. Temos exemplos que a gente abaixou a guarda um pouco, digamos assim, e acabamos com o resultado negativo. Sabemos a importância de estar sempre vencendo, mas não é fácil. Do outro lado também tem adversário que está procurando, então, é questão de detalhes, estarmos fechados como sempre fazemos e temos tudo para sair com um ótimo resultado, mas temos que lutar bastante", analisou, em entrevista coletiva guiada, o lateral esquerdo do Vovô Bruno Pacheco.

Com o time titular das duas últimas partidas similar ao que levou o título da Copa do Nordeste, Guto não deve fazer muitas alterações para encarar o Atlético-GO. No ataque, o centroavante Cléber, fora da partida da Copa do Brasil, deve voltar entre os 11 que começam o duelo. No meio de campo, com William Oliveira tendo iniciado os dois últimos duelos, o técnico poderá optar por uma alternância com Fabinho. Já no setor defensivo, Gabriel Lacerda, que não foi bem contra o Vitória, deve dar lugar a Tiago Pagnussat.

A defesa alvinegra, inclusive, é ponto que merece atenção. Já são nove gols sofridos na Série A, a defesa mais vazada da competição, e um saldo de gol negativo (-4). Com quatro equipes emboladas com quatro pontos, é importante pontuar e, se possível, buscar uma boa margem de tentos. Para isso, não apenas o ataque deve ser eficiente, é preciso, assim como foi contra o Bahia, encaixar a retaguarda.

Leia mais | Próximo adversário do Ceará, Atlético-GO vive momento de pressão por bons resultados

Com um jogo a menos, o Dragão tem no acumulado uma vitória (contra o Flamengo), um empate (diante do Sport), e vem de duas rodadas de derrotas (contra Palmeiras e Fluminense). Apesar da sequência de três jogos sem vencer do adversário, Pacheco salienta que "não tem jogo fácil na Série A", e o foco do Vovô, segundo o atleta, é entrar concentrado e impondo o ritmo do jogo.

O Ceará, que chega no fim de noite de sexta na capital goiana, conclui a preparação para o duelo na tarde deste sábado, 29, no campo anexo da Serrinha, no centro de treinamento do Goiás.

Listen to "#102 - Os detalhes dos triunfos de Ceará e Fortaleza e o que vem pela frente" on Spreaker.