Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Pesquisa: maioria tem mais medo da reeleição de Bolsonaro que da volta do PT

Instituto Quaest perguntou qual o maior temor dos eleitores em relação à política brasileira
15:31 | Jun. 08, 2022
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Na pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira, 8, a maioria dos entrevistados aponta a reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL) como aquilo de que eles mais têm medo. A resposta foi indicada por 52%. Já para 35%, o maior temor é a volta do PT ao poder.

Há 5% dos entrevistados que não fazem distinção e afirmaram temer ambas as possibilidades. E 2% afirmam não ter medo de nenhuma das coisas. Não souberam ou não responderam 6%.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Eleitores de Ciro Gomes

Entre aqueles que dizem não votar nem em Lula nem em Bolsonaro, há percepções diferentes sobre o que mais temem. Para 49% dos eleitores de Ciro Gomes (PDT), o maior medo é Bolsonaro se reeleger. Já 30%, também entre os que dizem votar em Ciro, têm mais medo de o PT retornar. Outros 14% temem as duas hipóteses. Não sabem ou não responderam 7% dos eleitores declarados do pedetista.

Dos que declaram voto em André Janones (Avante), as opiniões são mais divididas. Para 46% o maior temor é da volta do PT, enquanto enquanto 44% temem mais a continuidade de Bolsonaro e 10% receiam ambas as possibilidades.

Entre eleitores de Simone Tebet (MDB), há 40% cujo maior temor é Bolsonaro continuar, enquanto 22% têm mais medo do retorno do PT e 27% têm medo tanto de uma coisa quanto de outra. Não sabem ou não responderam 10% dos eleitores.

Entre os indecisos, o receio maior é a volta do PT: 48%. Os que apontam maior medo da continuidade de Bolsonaro são 22%. Há 6% que temem ambas as hipóteses, 4% não têm medo de nenhuma delas e 20% não sabem ou não responderam. 

A pesquisa foi realizada entre 2 e 5 de junho e foram ouvidas 2 mil pessoas. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. A pesquisa foi protocolada no TSE sob o registro BR-03552/2022.

 

Agregador de Pesquisas O POVO

A plataforma de multistreaming de Jornalismo e Educação do Grupo O POVO lançou o Agregador de Pesquisas de intenção de voto, que foi disponibilizado na última sexta-feira, 13. O objetivo da nova ferramenta é proporcionar ao leitor uma compreensão precisa e ampla do desenrolar eleitoral, com suas nuances e tendências.

Acesse o agregador de pesquisas clicando aqui.

Inicialmente, a corrida rumo à Presidência da República será o foco do Agregador de Pesquisas O POVO, que em breve trará também os cenários da disputa ao Governo do Ceará e ao Senado Federal. As eleições de outros estados também serão retratadas pela ferramenta.

O projeto foi desenvolvido pelo Data.Doc, o núcleo de dados do O POVO. Segundo a jornalista Thays Lavor, responsável pela coordenação e edição do material, a ideia nasceu de uma constatação de que é necessário criar meios para “facilitar a vida” do leitor. Sobretudo em um ano em que ele vai às urnas.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar