PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Irmã de Neymar sai em defesa do jogador e manda recado a mulher que o acusa de estupro

Em vídeo publicado, a modelo chora ao falar sobre o sofrimento da família e aproveita pra mandar um recado para a mulher que acusou o irmão

15:12 | 04/06/2019
Rafaella Santos, irmã de Neymar, sai em defesa do jogador após acusação de estupro.
Rafaella Santos, irmã de Neymar, sai em defesa do jogador após acusação de estupro.(Foto: Reprodução/Instagram)

Rafaella Santos, irmã de Neymar, usou suas redes sociais na noite dessa segunda-feira, 3, para fazer uma desabafo sobre a acusação de estupro que o jogador está respondendo. No vídeo publicado, a modelo chora ao falar sobre o sofrimento da família e aproveita pra mandar um recado para a mulher.

Listen to "#84 - O que o caso Neymar diz sobre a cultura do estupro" on Spreaker.

"Eu acho que nunca vou entender uma pessoa fazer isso, acusar a outra pessoa dessa forma. É um assunto muito sério, que muitas mulheres lutam por isso. Mas espero de coração que você consiga dormir, que você tenha consciência de tudo que você fez e consiga dormir tranquila. Eu não desejo o seu mal, não desejo mesmo. Como você disse nas mensagens que deseja o mal do meu irmão, eu não desejo isso pra você. Desejo que Deus perdoe de coração e que você consiga seguir em paz depois de tudo o que você fez", disse Rafaella.

Ao final do vídeo, a modelo aproveita para agradecer o apoio do fãs no momento difícil. "Eu amo meu irmão acima de tudo, bato a cara por ele. Todo mundo que conhece o meu irmão e sabe que ele não faria uma coisa dessa. É triste, é de você querer brigar porque meu irmão é a pessoa que mais me protege nesse mundo. Nunca vou deixar ninguém falar uma coisa dessa dele porque é horrível. Quem tem irmão sabe, quem tem uma família sabe. É isso, obrigada por todas as mensagens", finalizou.

O caso

No último sábado, 1º de junho, o portal UOL noticiou que uma mulher estaria acusando Neymar de estupro. De acordo com o Boletim de Ocorrência no qual a reportagem teve acesso, o crime teria acontecido em Paris no dia 15 de maio. Na denúncia, a vítima afirmou que o jogador teria chegado bêbado no hotel onde ela estava hospedada e que, após algumas trocas de carícias, teria ficado violento e forçado a relação sexual. 

LEIA MAIS | Hematomas e estresse pós-trauma são identificados em laudo de mulher que denunciou Neymar

No mesmo dia que a denúncia veio à tona, o pai de Neymar concedeu uma entrevista ao programa do apresentador Datena, na TV Bandeirantes, onde afirmou que tudo não passava de um plano de extorsão. Mais tarde, em vídeo publicado pelo jogador no seu perfil no Instagram, ele, além de negar as acusações, revelou todas as conversas que teve com a mulher. "Estou sendo acusado de estupro. É uma palavra forte, mas é o que está acontecendo no momento. Fui pego de surpresa e foi muito ruim. Quem me conhece sabe do meu caráter e índole. Sabe que jamais faria uma coisa desse tipo", disse o jogador.

LEIA MAIS | Além de acusação de estupro, Neymar será investigado por divulgar fotos íntimas

Redação O POVO Online