Participamos do

Comprovante de vacinação Covid-19: saiba para que serve, como emitir e qual validade do documento

Documento é mais uma alternativa para o cidadão da Capital que precisa comprovar a vacinação contra a doença, com as duas doses ou dose única da vacina
16:40 | Nov. 09, 2021
Autor Mirla Nobre
Foto do autor
Mirla Nobre Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Prefeitura de Fortaleza passou a disponibilizar, no final do mês de outubro, o Cartão Digital de Vacinação Covid-19. O documento é emitido no site “Vacine Já”, mesmo local de consulta dos agendamentos para vacinação contra a doença na Capital. O documento, conforme a gestão municipal, é mais uma alternativa para que o cidadão da Capital possa comprovar sua vacinação contra a doença, com as duas doses ou dose única da vacina. O POVO reuniu as principais dúvidas acerca do documento digital.

Para que serve o comprovante digital de vacinação contra a Covid-19?

O documento digital tem a mesma função do comprovante físico, que é entregue no ato da aplicação da primeira dose (D1) da vacina ou da dose única. Ele serve para que o cidadão residente em Fortaleza possa comprovar sua vacinação contra a Covid-19. Alguns estabelecimentos solicitam a apresentação do comprovante com, ao menos, a D1 da vacina recebida para ter acesso aos locais. A medida ainda não ocorre de forma obrigatória no Ceará.

Com o documento digital, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) destaca que é mais uma alternativa disponível para a população comprovar que está com a vacinação em dia. A pasta não destacou se o comprovante digital tem validade fora da Capital cearense.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

É obrigatório a emissão do comprovante digital?

Não. O documento serve como mais uma alternativa para comprovar que a pessoa recebeu pelo menos uma dose da vacina contra a Covid-19, só que de forma digital. É mais uma opção fora o comprovante físico entregue no ato da aplicação da vacina.

Quais informações possuem no comprovante digital?

Nele, constam o nome completo e CPF do cidadão, a data da aplicação da primeira dose e segunda dose (D1 e D2) ou da dose única; qual imunizante contra a Covid-19 foi aplicado e a qual lote pertence, além da área aplicada (deltóide direito ou esquerdo), ou seja, braço direito ou esquerdo.

Qual a validade do comprovante digital?

O Cartão Digital de Vacinação contra a Covid-19 tem a validade de 30 dias. Conforme a SMS, o prazo foi estabelecido por questões de segurança. A pasta não destacou maiores detalhes sobre o prazo estabelecido. O comprovante também traz um QR Code (código de barras) que pode ser validado eletronicamente.

Após 30 dias, é necessário emitir outro comprovante?

Sim. Devido ao prazo de validade estabelecido pela Prefeitura de Fortaleza ser de 30 dias, após o período é necessário a emissão de um novo comprovante digital, que terá mais 30 dias ou poderá ter um novo prazo estabelecido pela gestão municipal.

Qual a função do QR Code do cartão digital?

Conforme a Secretaria da Saúde de Fortaleza, o QR Code (código de barras) tem a função de autenticidade que pode ser validado eletronicamente. 

Como emitir o comprovante digital?

1. Acesse o "Vacine Já" e clique na opção "Consultar Cadastro";

.
. (Foto: Reprodução)

2. Informe CPF, data de nascimento e digite a sequência da imagem (captcha);

.
. (Foto: Reprodução)

3. Role a página até o fim e clique na opção "Gerar Comprovante de Vacinação";

.
. (Foto: Reprodução)

4. Informe o nome da mãe ou responsável e digite um novo captcha;

.
. (Foto: Reprodução)

5. O comprovante será aberto em uma nova aba.

.
. (Foto: Reprodução)

Qual a diferença entre o comprovante de Fortaleza e o Nacional?

O comprovante de vacinação contra a Covid-19 também é emitido pelo Conecte SUS, aplicativo oficial do Governo Federal. Os dois comprovantes possuem a mesma função e possuem as mesmas informações. No Nacional, o documento é titulado de Certificado Nacional de Vacinação Covid-19 e possui a validade em todo o território nacional. Ele não possui um prazo de validade e pode ser emitido a qualquer momento, basta ter acesso ao aplicativo do SUS.

A plataforma está disponível para os sistemas iOS e Android. Conforme o Ministério da Saúde, todos os cidadãos que tiveram o esquema vacinal finalizado e que tiveram o Registro de Imunobiológico Administrado enviado à Rede Nacional de Dados em Saúde podem obter o documento.

Passaporte da vacina no Ceará

O Governo do Estado propôs a utilização do passaporte vacinal contra a Covid-19. A medida está voltada para que os eventos de fim de ano e os estabelecimentos comerciais que ainda têm restrição de público possam aumentar a sua capacidade.

A sugestão foi dada durante reunião do Comitê de Retomada das Atividades Econômicas com representantes de diversos setores do empresariado cearense, nessa segunda-feira, 8. O passaporte da vacina funcionará por meio de um aplicativo padronizado interligado à plataforma do Conecte SUS, a ser lançado até o fim do ano.

Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags