Participamos do

Covid-19: Ceará recebe mais de 278 mil doses da vacina Pfizer

Imunizantes serão destinados para aplicação da primeira dose (D1) em adolescentes e segunda dose (D2) em adultos, distribuídos nos 184 municípios cearenses
16:41 | Out. 19, 2021
Autor Marília Serpa
Foto do autor
Marília Serpa Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Ceará recebeu mais 278.460 doses da vacina Pfizer/BioNtech contra a Covid-19 no início da tarde desta terça-feira, 19. Os imunizantes serão destinados para aplicação da primeira dose (D1) em adolescentes e segunda dose (D2) em adultos, de acordo com o Ministério da Saúde. Segundo o Governo do Estado, a quantidade deste imunizante é a maior que desembarcou no Estado até o momento.

Após a chegada no Aeroporto de Fortaleza, os lotes foram enviados para a Central de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadim), da Secretaria da Saúde (Sesa), para serem distribuídos nos 184 municípios cearenses. No local, os imunobiológicos são organizados e enviados de forma proporcional para os municípios cearenses. Esse é o 104º lote recebido pelo Estado.

Até o momento, 13.747.968 vacinas foram recebidas e 13.053.417 foram distribuídas para os 184 municípios cearenses. De acordo com anúncio feito por meio das redes socais do governador Camilo Santana no início da tarde, 10.997.514 doses foram aplicadas em todo o Estado, com 6,40 milhões de aplicações de D1 e 4,29 milhões de D2. A vacina da Janssen, de dose única, foi aplicada em 165 mil pessoas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Na última segunda-feira, 11, o Estado recebeu um lote com 186.030 doses da Pfizer destinadas para a aplicação da D2. Além disso, foi iniciada no Ceará a aplicação da dose de reforço em idosos a partir de 60 anos com o imunizante da Pfizer, devendo ocorrer somente seis meses após a última dose do esquema vacinal básico (segunda dose ou dose única), independentemente da vacina aplicada anteriormente.

Tenha acesso a reportagens especiais. Assine O POVO+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags